Fonte: OpenWeather

    Interior


    Homem é investigado por jogar arma de crime em rio após morte em Coari

    Homem encontrou o cunhado morto e resolveu jogar a arma no rio Solimões após ficar nervoso, conforme a polícia

    O caso, que foi repassado ao Comando de Policiamento do Interior (CPI), é investigado pela Delegacia Interativa de Coari. | Foto: Divulgação

    Coari (AM) - Um homem, até o momento não identificado, está sendo investigado pela Polícia Civil de Coari (a 363 km de Manaus), por jogar uma arma calibre 32 no rio Solimões. Conforme a polícia, o homem é cunhado de Sildemar Carlo Castro, de 38 anos, encontrado morto com um tiro na cabeça, na última quinta (10).

    "Esse homem chegou no local e viu o cunhado morto com um tiro na cabeça. Não podemos afirmar se foi suicídio ou se foi homicídio, mas a polícia instaurou um inquérito de investigação para saber porque ele jogou a arma do crime no rio", disse uma fonte policial ao Em Tempo.

    O caso, que foi repassado ao Comando de Policiamento do Interior (CPI), é investigado pela Delegacia Interativa de Coari.


    Leia mais:

    Prefeitura analisa regulamentação do aplicativo Uber em Manaus

    TJAM seleciona estagiários de nível médio no Amazonas

    Benefício de aposentados e pensionistas tem reajuste de 2,07%