Auxílio


José Ricardo apresenta projeto que cria o “Mais Bolsa Família”

Deputado do PT/AM cria auxílio que complementará a soma da renda familiar

 O deputado federal José Ricardo (PT/AM), juntamente com os demais membros da bancada petista da Câmara Federal criaram o projeto 'Mais Bolsa Família'
O deputado federal José Ricardo (PT/AM), juntamente com os demais membros da bancada petista da Câmara Federal criaram o projeto 'Mais Bolsa Família' | Foto: Reprodução

Manaus - O deputado federal José Ricardo (PT/AM) e os demais membros da bancada petista da Câmara Federal criaram o projeto 'Mais Bolsa Família'. Sendo o projeto de Lei Nº 4086/2020 que visa enfrentar à pobreza e reduzir a vulnerabilidade de renda que consiste em um auxílio que corresponderá ao valor necessário para que a soma da renda familiar mensal e dos benefícios financeiros supere o valor de R$ 300 por pessoa. 

E fica determinado que o pagamento dos benefícios previstos nesta Lei será feito prioritariamente à mulher. O PL propõe novas linhas de inclusão ao programa, superiores às estabelecidas pelo Banco Mundial para pobreza e extrema pobreza. Todas as famílias com renda até R$ 600/mês por pessoa e que tenham gestantes, nutrizes, crianças ou jovens teriam direito a um benefício fixo R$300 para cada um deles, limitados a cinco benefícios por família.

E para as famílias com renda por pessoa de até R$ 300/mês, será garantido uma complementação de renda, adicional aos benefícios para crianças, jovens nutrizes e gestantes, de forma que nenhum brasileiro viva com menos que uma renda mínima de R$ 300.

 José Ricardo justifica que a pandemia do COVID-19 expôs a sociedade brasileira a três tipos de crise: a sanitária, a econômica e a social. Portanto, piorando ainda mais a vida dos mais pobres e Mais Bolsa Família ajudará na superação de vulnerabilidade econômica do mais pobres. 

*Com informações da assessoria

Leia mais:

Nasceu em junho? Caixa libera auxílio emergencial nesta sexta (7)

Vídeo: delegado de Manaus tem perfil falso criado por golpistas

Senado aprova auxílio de R$ 600 para agricultores familiares