Fonte: OpenWeather

    Decisão


    Enem: Manaus pode ficar fora da realização de exame, diz Inep

    Após afirmação do presidente do Inep, Manaus pode deixar de realizar a aplicação do Enem

    Inep diz que discute realização do Enem com o governador e prefeito de Manaus | Foto: Wikimedia Commons/Reprodução

    Manaus – O presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, Alexandre Lopes, afirmou nesta quarta-feira (13) que o órgão não trabalha com a hipótese de adiar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e que a prova pode ser cancelada em algumas cidades, caso não seja possível aplicá-la.

    "Não trabalhamos com a hipótese de adiamento, o que pode haver é um cancelamento em algumas cidades. Se a gente não puder aplicar a prova, infelizmente essa cidade vai ficar fora do Enem de 2020", explicou Lopes em entrevista à CNN Brasil.

    O exame que estava agendado para novembro de 2020, foi adiado para este ano em razão da pandemia de Covid-19. A prova tem previsão para ocorrer no próximo fim de semana, em versão impressa nos dias 17 e 24 e, na versão digital em 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

    Quando questionado sobre os casos de cidades em que a prova for desmarcada, ele respondeu: "Se não for possível fazer a data no dia da reaplicação, em 23 e 24 de fevereiro, essa cidade vai ficar fora.

    Manaus não liberou o uso das escolas da rede municipal para aplicação da prova e Lopes explicou que está conversando com as autoridades locais.

    "Estamos conversando com a prefeitura e o governo, então não há uma definição específica em relação à cidade de Manaus, ainda existe um processo de discussão e a gente vai acompanhando isso até o dia da aplicação e vamos comunicar os participantes de qualquer decisão", disse.

    Pedido de Adiamento

    Existem duas ações na Justiça Federal com pedidos de adiamento: uma por iniciativa do vereador Amom Lins (Podemos)  e do deputado Marcelo Ramos (PL); e outra por iniciativa do Ministério Público Federal. O deputado José Ricardo (PT) também entrou com uma representação do Ministério Público Federal (MPF) pedindo o adiamento da prova. A Defensoria Publica do Amazonas (DPE) também recomendou o adiamento das provas.

    Leia Mais:

    Enem: Faculdade Santa Teresa promove ‘aulão’ e simulado gratuito

    Local de prova do Enem será divulgado nesta terça (5)

    Se inscreveu para o Enem? Saiba quando as provas serão realizadas