Fonte: OpenWeather

    Tailândia


    Treinador pede desculpas aos pais de meninos presos em caverna

    Os meninos também escreveram cartas dizendo que estão bem e com saudade das famílias

    O grupo foi surpreendido por uma tempestade e ficou preso na caverna durante uma excursão às galerias subterrâneas no norte da Tailândia | Foto: Reprodução

    O treinador de futebol preso há duas semanas em uma caverna na Tailândia com 12 garotos pediu desculpas a seus pais na primeira carta que o grupo enviou por meio de mergulhadores.

    "Para os pais de todas as crianças, elas estão bem, a equipe está cuidando bem de nós. Eu prometo que vou cuidar das crianças da melhor forma possível. Quero agradecer por todo o apoio e quero pedir desculpas aos pais", disse o treinador de 25 anos.

    Os meninos também escreveram dizendo que estão bem e com saudade das famílias.

    Leia também: Resgate de meninos presos em caverna na Tailândia pode levar meses

    Um deles disse: "Eu estou bem, está um pouco frio, mas não se preocupe. Não se esqueça de marcar a minha festa de aniversário".

    Outro, identificado como Tun, escreveu: "Mamãe e papai, por favor, não se preocupem, estou bem. Diga a Yod (provavelmente o nome de algum parente) para se preparar para me levar para comer frango frito. Com amor".

    As equipes de resgate dizem que ainda não tentarão retirar o grupo porque os meninos seguem adquirindo habilidades de mergulho. Mas a volta da chuva pode levar à decisão de antecipar o resgate.

    O grupo foi surpreendido por uma tempestade e ficou preso na caverna durante uma excursão às galerias subterrâneas no norte da Tailândia. 

    Leia mais:

    Japão: forte terremoto é sentindo em Tóquio neste sábado (7)

    Argélia abandona mais de 13 mil imigrantes no Deserto do Saara

    Testes de nova vacina contra o HIV tem bons resultados