Fonte: OpenWeather

    prisão


    Professora admite ter feito sexo com aluno por ele 'se parecer com ex'

    A professora foi presa e vai responder por crime sexual contra o menor de idade

    Na delegacia, a professora confessou que estava tendo o relacionamento sexual com o aluno dentro de uma despensa em sala de aula
    Na delegacia, a professora confessou que estava tendo o relacionamento sexual com o aluno dentro de uma despensa em sala de aula | Foto: Reprodução / Internet


    EUA - Após ter feito sexo com um aluno de 17 anos, uma professora de economia de uma escola de ensino médio em Twinsburg (Ohio, EUA) admitiu ter tido a experiência sexual porque o menor era parecido com o seu ex-marido. 

    Segundo a educadora, o garoto a fez se sentir atraída por ele por agir como o ex-marido dela. O caso foi descoberto pelos demais alunos da escola e Laura Bucy, de 32 anos, acabou sendo presa e indiciada por crime sexual.

    Na delegacia, a professora confessou que estava tendo o relacionamento sexual com o aluno dentro de uma despensa em sala de aula. Laura disse aos policiais que o caso entre os dois começou após conversas nas redes sociais. 

    "Eles chegaram a trocar fotos íntimas no Snapchat e depois marcaram de transar após a aula", disse um dos policiais de Twinsburg. Após pagar fiança de cerca de R$ 200 mil, a professora foi solta.

    Leia mais

    Nova lei de importunação sexual pune assédio na rua

    Ibope: Bolsonaro tem 28%, Haddad, 22%; Ciro, 11%; e Alckmin, 8%

    Nos EUA, Temer diz que PT tem chance de chegar ao segundo turno