Fonte: OpenWeather

    Cotidiano


    Grupo simpático ao EI assume autoria do disparo de foguete contra Israel

    O grupo salafista autodenominado Brigadas de Omar Hadid-Bayt al-Maqdis, que é simpático ao Estado Islâmico (EI), reivindicou neste domingo (7) a autoria do disparo de um foguete a partir da Faixa de Gaza contra Israel no sábado (6).

    Em comunicado divulgado em rede social, o grupo assumiu o lançamento de um foguete tipo Katyusha (de 130 milímetros) contra cidade de Ashkelon, afirmando que o ataque foi em solidariedade aos prisioneiros palestinos detidos em prisões israelenses, incluindo membros do Brigadas de Omar.

    Trata-se do segundo comunicado que o grupo distribui, assumindo a autoria do disparo de projéteis contra solo israelense.

    O foguete caiu ao sul de Israel, sobre uma área aberta no conselho regional de Hof Ashkelon. Não foram registrados feridos. De acordo com o Exército israelense, este foi "o terceiro ataque com foguete nas últimas duas semanas"

    Em resposta, as Forças de Defesa de Israel atacaram uma infraestrutura terrorista no norte da Faixa de Gaza.

    Por Folhapress

    Mais lidas

    1. Número de mortos de atentado duplo na Somália chega a 300

    2. Temer condena ataque terrorista na Somália

    3. Incêndios voltam a atingir Portugal e Espanha e deixam 36 mortos

    4. Trump é intimado a mostrar documentos sobre acusação de assédio sexual

    5. Papa Francisco anuncia sínodo dedicado à Amazônia