Fonte: OpenWeather

    Cotidiano


    Portugal ajudará Espanha a combater incêndio

    Portugal vai enviar nas próximas horas mais de 100 soldados e 30 veículos para ajudar no combate ao fogo florestal que atinge há três dias a província espanhola da Extremadura. Pelo menos 2.500 pessoas estão desabrigadas.

    Três grupos de combate a incêndios serão deslocados para combater as chamas.

    O fogo, que começou na quinta-feira na Sierra de Gata, já consumiu mais de 6.500 hectares e é combatido por centenas de bombeiros de várias regiões da Espanha, apoiados por 16 helicópteros e aviões de combate a incêndios.

    Cerca de mil habitantes da aldeia de Hoyos deixaram hoje suas casas, juntando-se aos cerca de 1.400 retirados na sexta-feira de outras duas aldeias próximas, informou hoje o governo regional da Extremadura.

    A causa do incêndio ainda não foi apurada, mas, segundo o chefe do governo regional, Guillermo Fernández Vara, “tudo parece indicar”  origem criminosa.

    Segundo os bombeiros, o vento forte e em constante mudança de direção está dificultando a ação dos bombeiros.
    Por Agência Brasil

    Mais lidas

    1. Número de mortos de atentado duplo na Somália chega a 300

    2. Temer condena ataque terrorista na Somália

    3. Incêndios voltam a atingir Portugal e Espanha e deixam 36 mortos

    4. Trump é intimado a mostrar documentos sobre acusação de assédio sexual

    5. Papa Francisco anuncia sínodo dedicado à Amazônia