Fonte: OpenWeather

    Cotidiano


    John Kerry exige fim da violência entre israelenses e palestinos

    O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, exigiu nesta quinta-feira (22) o "fim da violência" que ocorre há mais de três semanas entre Israel e o Estado palestino. A declaração foi durante uma reunião, em Berlim, com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

    "É absolutamente crucial pôr fim a todos os incitamentos, pôr fim a toda a violência e encontrar uma via que permita, potencialmente, construir um processo mais vasto, o que não é o caso hoje em dia", afirmou Kerry ao lado de Netanyahu e diante dos jornalistas, em uma unidade hoteleira de Berlim.

    O primeiro-ministro israelense, por outro lado, considerou que a "onda de ataques" é "resultado direto das provocações" do Hamas, movimento islâmico em Israel do presidente palestiniano, Mahmud Abbas, e da Autoridade Palestina.

    "Creio que é tempo de a comunidade internacional dizer claramente ao presidente Abbas para parar com os incitamentos contra Israel", frisou Netanyahu.

    Kerry e Netanyahu não se reuniam desde fins de setembro, antes do início dos novos confrontos em Israel e nos territórios palestinos.

    Ambos vão ter uma reunião hoje, de várias horas, para discutir formas de conter a violência que já provocou dezenas de mortes dos dois lados.

    Por Agência Brasil

    Mais lidas

    1. Número de mortos de atentado duplo na Somália chega a 300

    2. Temer condena ataque terrorista na Somália

    3. Incêndios voltam a atingir Portugal e Espanha e deixam 36 mortos

    4. Trump é intimado a mostrar documentos sobre acusação de assédio sexual

    5. Papa Francisco anuncia sínodo dedicado à Amazônia