Fonte: OpenWeather

    Cotidiano


    Incêndio em fábrica no Bangladesh deixa ao menos 23 mortos

    A segurança na indústria é uma grande preocupação no país asiático - foto: reprodução
    A segurança na indústria é uma grande preocupação no país asiático - foto: reprodução

    Um incêndio em uma fábrica de embalagens de cigarros e comida, no Bangladesh, matou ao menos 23 pessoas, de acordo com serviços de emergência e o governo local. A contagem pode aumentar, já que as autoridades não conseguiram confirmar o número de pessoas que podem estar dentro da instalação.

    O incidente aconteceu na manhã de sábado no horário local – ainda na noite de sexta (9), no Brasil – na zona industrial de Tongi, a cerca de 20km da capital, Dhaka. As chamas atingiram uma instalação da empresa Tampaco Foils Ltd., cujo site lista marcas internacionais como a Nestlé e a British American Tobacco entre seus clientes.

    "Não podemos confirmar se há pessoas lá dentro, mas nossa prioridade é resgatá-las, se estiverem lá", disse Mohammad Akhtaruzzaman, um bombeiro que está no local, para a agência de notícias Reuters. Ele afirma que as chamas estão, agora, sob controle.

    Uma grande explosão causou as labaredas, que se espalharam rapidamente devido a produtos químicos inflamáveis que eram armazenados no local, informa a agência de notícias Associated Press.

    Pelo menos seis pessoas das 14 que estão sendo tratadas devido a queimaduras no hospital da Universidade de Medicina de Dhaka estão em condição crítica, afirma Mohammed Bacchu Mia, um oficial de polícia que está no hospital.

    A segurança na indústria é uma grande preocupação no país asiático, que tem milhares de fábricas de embalagens e vestuário que fornecem produtos para multinacionais como Wal-Mart e H&M. Em 2013, um complexo comercial perto de Dhaka, que sediava cinco fábricas de roupas, desabou e deixou 1.135 mortos.

    Por Folhapress