Fonte: OpenWeather

    Cotidiano


    Força Aérea síria bombardeia terroristas em Aleppo

    Diversos hospitais em zonas rebeldes da Síria sofreram bombardeios aéreos do governo, em particular em Idleb e Aleppo - foto: reprodução/internet
    Diversos hospitais em zonas rebeldes da Síria sofreram bombardeios aéreos do governo, em particular em Idleb e Aleppo - foto: reprodução/internet

    A Força Aérea da Síria realizou ataques em massa contra militantes em Aleppo e nos seus arredores, informou a agência Reuters, citando uma fonte militar síria.

    Segundo a fonte, os ataques visaram a cidade de Khan Touman, ao sul de Aleppo, que permanece sob o controle de militantes. A operação "levou à eliminação de equipamento blindado e outros veículos de transporte, alguns deles equipados com metralhadoras".

    Ao mesmo tempo, a agência RIA Novosti informou que militantes lançam fogo de morteiros contra posições tomadas pelo Exército sírio na parte histórica da cidade.

    Mais cedo, a fonte próxima ao Estado-Maior de operações militares em Aleppo, disse à RIA Novosti que as tropas sírias conseguiram afastar a frente de combate na cidade pela primeira vez em alguns anos. Segundo a fonte, as tropas sírias libertaram mais da metade do quartel Al-Farafira.

    Agora, continuam os conflitos armados no quartel Al-Farafira. As tropas governamentais e soldados da milícia síria conseguiram fixar-se nos territórios libertados.

    Recentemente, o comando do Exército sírio tinha anunciado o início da operação militar na parte leste de Aleppo, que está sob o controle dos terroristas.

    Por Agência Brasil via  Sputnik