Inscrições


Começam as inscrições para o ‘Fica na Rede, Maninho’

Edital visa estimular a difusão de produções artísticas durante o momento de crise ocasionado pela Covid-19

O edital também contemplará ações formativas como vídeos teóricos e práticos | Foto: Daniel Rodrigues/Secom

Manaus - O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, abre, nesta segunda-feira (13), o segundo lote de inscrições para o edital “Fica na Rede, Maninho”, que visa estimular a difusão de produções artísticas e de ações de capacitação durante o momento de crise ocasionado pela Covid-19. Artistas e produtores culturais podem inscrever suas propostas até o dia 23 de abril. O edital e os anexos estão disponíveis no Portal da Cultura.

O primeiro lote do “Fica na Rede, Maninho” recebeu 195 propostas que estão em fase de avaliação técnica e de conteúdo artístico. O resultado preliminar será divulgado no dia 16 de abril.    

Realizado em caráter emergencial, o edital é uma das ações da secretaria para o enfrentamento da crise na cadeia produtiva da cultura e economia criativa neste momento, e selecionará até 300 propostas, divididas em três lotes. Podem participar pessoas jurídicas e físicas, maiores de 18 anos, e cada proponente poderá inscrever até três propostas, sendo uma para cada lote.

O “Fica na Rede, Maninho” abrange vídeos nas áreas de Artes Cênicas, Música, Artes Visuais, Audiovisual, Literatura e uma categoria denominada “Outras”, para projetos que envolvam duas ou mais linguagens artísticas, ou, que não se encaixem em nenhuma das modalidades na concepção do proponente.

O edital também contemplará ações formativas como vídeos teóricos e práticos nas diversas linguagens artísticas; uso de tecnologia, inovação, cultura, criatividade e sustentabilidade no âmbito da economia criativa;  bem como ações de ofícios como cenógrafo, maquiador, técnico de som, e outras atividades afins.

Os vídeos deverão estar no Youtube ou em repositórios digitais (Dropbox e Google Drive),
Os vídeos deverão estar no Youtube ou em repositórios digitais (Dropbox e Google Drive), | Foto: Daniel Rodrigues/SECOM

Projetos

Os vídeos deverão estar no Youtube ou em repositórios digitais (Dropbox e Google Drive), ter no máximo 60 minutos e estar no formato MP4 ou similares. O conteúdo deverá ser gravado na melhor definição, em formato horizontal, e o link do vídeo deverá estar no corpo da proposta. O vídeo poderá ser inédito ou já ter sido publicado e deverá conter na legenda a hashtag #FicaNaRedeManinho.

Podem ser inscritos espetáculos e experimentações criativas de circo, dança, teatro, entre outros ligados às Artes Cênicas; de apresentações musicais; processos criativos ligados às artes plásticas, e também de exposições, instalações, grafite, fotografia, desenhos, pintura, esculturas, objetos, videoarte e artes gráficas; vídeos de narração de histórias e lendas, leitura dramatizada, performances literárias, recitais poéticos, declamação de poemas de cordel; e produções de curtas-metragens de ficção e documentário, dentre outros.

Para esclarecer possíveis dúvidas sobre as inscrições, os proponentes podem contar com o canal de atendimento disponibilizado pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa, que funciona diariamente das 8h às 20h, por meio dos telefones (92) 99177-6442 (WhatsApp) e (92) 3232-5555, e do e-mail [email protected]

Veiculação

Os links dos projetos selecionados serão disponibilizados no Portal da Cultura e aplicativo após a publicação do resultado final de cada lote. Os vídeos também serão disponibilizados na TV Encontro das Águas em um programa com o nome do projeto, #FicaNaRedeManinho, de acordo com a grade de programação do canal. Já as obras literárias enviadas cujos projetos forem selecionados serão disponibilizadas na Biblioteca Virtual do Amazonas.

Os links dos projetos selecionados serão disponibilizados no Portal da Cultura e aplicativo
Os links dos projetos selecionados serão disponibilizados no Portal da Cultura e aplicativo | Foto: Daniel Rodrigues/SECOM

Avaliação

A avaliação das propostas será feita em uma única fase a cada mês, realizada por uma comissão com dez membros, composta por representantes da Secretaria de Cultura e Economia Criativa; profissionais de reconhecida competência ou notório saber da sociedade civil do estado do Amazonas e colaboradores da Agência Amazonense de Desenvolvimento Cultural, notadamente da área artística, escolhidos pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa.

Os projetos serão avaliados pelos critérios: Mérito da proposta (artístico, técnico e conceitual); Aspectos de criatividade e de inovação; e Qualificação e experiência profissional do Proponente.

Prazos

Os processos de inscrição e seleção do  “Fica na Rede, Maninho” seguem o seguinte calendário: primeiro lote com inscrição até 8 de abril e veiculação dos projetos selecionados a partir do dia 27 de abril; o segundo lote com inscrições de 13 a 23 de abril, e veiculação a partir de 11 de maio; já o terceiro lote terá inscrições de 24 de abril a 8 de maio, com veiculação a partir do dia 1º de junho. 

*Com informações da assessoria