Fonte: OpenWeather

    Cultura


    ‘Destilados’ grava em outubro DVD comemorativo aos 14 anos de estrada da banda

    Banda local mantém agenda movimentada em espaços de grande visibilidade cultural – foto: divulgação
    Banda local mantém agenda movimentada em espaços de grande visibilidade cultural – foto: divulgação

    Os integrantes da banda de pop-rock ‘Destilados’ vão comemorar 14 anos de carreira com a gravação de um DVD. O vídeo vai registrar um show ao vivo que será apresentado no All Night Pub, no dia 10 de outubro, às 22h, e será distribuído posteriormente de forma gratuita. “O DVD vai ser usado para divulgar o trabalho da banda”, avisa Israel Rick, produtor e empresário do grupo.

    A Destilados, nome inspirado na admiração que os integrantes tem por bebidas desse tipo, foi formada por Mark Clark Júnior (baixista), Eloi Júnior (vocais e guitarra), César Serafim (teclados) e Israel Rick, que sempre cuidou da parte administrativa da banda.

    Ele conta que a proposta do grupo era desenvolver um estilo próprio para tocar composições de artistas nacionais e internacionais, dos anos 1970 até o presente, que pudesse se destacar de outros grupos locais do gênero. E entre os diferenciais da banda está a presença de metais nos arranjos dessas canções.

    “Nós fazemos ao vivo um som que outros grupos costumam tocar por meio de teclados”, observa Israel. Os responsáveis por essa sonoridade nos shows do grupo são Jandervan Souza, no saxofone, e Odirlei Viana, no trombone. E a formação da Destilados traz ainda Chrystian Dias, guitarrista solo, e Jadson Santiago, na bateria.

    Embora toquem essencialmente gravações de outros artistas, Israel comenta que os músicos da Destilados já estão produzindo material próprio, mas preferem esperar mais um tempo para apresentar suas composições nos shows. “Quando tivermos umas cinco canções prontas vamos tocá-las para o público. Nosso estúdio ainda está em construção e, quando ficar pronto, vamos ter mais tempo para nos dedicarmos”, explica o empresário.

    Influências
    Israel conta que entre as bandas cujas canções estimularam a formação da Destilados estão The Beatles, Pink Floyd, Titãs e Os Paralamas do Sucesso – que aliás possui hits recheados de metais. Nos shows, o repertório costuma ser eclético, indo além desse estilo, e inclui desde Eagles, U2, Jota Quest e Skank, passa por Erasure, Daft Punk e um medley com obras de Tim Maia, até “Menina Veneno”, de Ritchie. “Nós tocamos essa música do Ritchie no Porão do Alemão com medo da reação do público”, lembra o empresário, bem humorado. “Mas deu certo e as pessoas gostaram”.

    Atualmente, a agenda mensal da Destilados inclui apenas cinco shows. Essa opção, de acordo com Israel, é para que a banda não se torne repetitiva na cena musical da cidade, nem a experiência de tocar fique chata para os seus integrantes. “Afinal, tocamos por prazer”, diz. Os shows incluem duas noites fixas no Porão do Alemão e meses alternados no Jack’n’Blues Snooker Pub. De um total de 100 canções ensaiadas, a banda costuma escolher de 25 a 30 para tocar durante duas horas.

    Por Luiz Otávio Martins (Jornal EM TEMPO)

    Mais lidas

    1. Sete filmes para você chorar neste feriado

    2. You Tuber Felipe Neto anuncia turnê em Manaus

    3. Grafiteiro do Amazonas representa o Brasil em evento internacional

    4. Casarão de Ideias comercializa produtos exclusivos

    5. Para quem é fã de café e cultura: Sebo é inaugurado na zona Sul de Manaus