Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Blitz interdita mais 22 estabelecimentos no segundo dia

    Estabelecimentos foram interditados também pelo Corpo de Bombeiros - foto: Alberto César Araújo
     
    A fiscalização que órgãos da prefeitura de Manaus juntamente com o Corpo de Bombeiros em casas noturnas na cidade encerrou, nesta terça-feira, 29, com mais 22 estabelecimentos interditados.
    Nos dois dias de blitz, o número de interdições já é de 39 locais e 67 casas noturnas das 98 inscritas na prefeitura já foram fiscalizadas.
     
    Na tarde desta terça, os casos que chamaram mais atenção das equipes foram do Wandyn Bar, no bairro Praça 14, Zona Sul, e do Cabaret Night Club, no Centro.
    No Wandyn bar foi detectado crime ambiental, já que no local eram criados, em um aquário, pirarucus, tambaquis e quelônios sem as devidas licenças. O bar foi interditado por três instituições diferentes. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) interditou por não ter a licença ambiental; a Secretaria de Municipal de Finanças (Semef), por não possuir o alvará de funcionamento, e o Corpo de Bombeiros, por estar com a vistoria vencida.
    O Cabaret Night Club foi interditado pela Semmas por ausência de licença ambiental. A casa noturna também foi notificada pela Semef e pelo Corpo de Bombeiros.
     
    A fiscalização vai continuar nesta quarta-feira (30), durante todo o dia, em todas as Zonas da cidade.