Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Após ser morto a pedradas, homem é jogado em barranco

    O Corpo de Bombeiros fez o resgate do corpo da vítima, devido o local ser de difícil acesso -foto: Josemar Antunes
    O Corpo de Bombeiros fez o resgate do corpo da vítima, devido o local ser de difícil acesso-foto: Josemar Antunes

    Após ser assassinado a pedradas na madrugada deste sábado (25), na travessa das Joias, o Manoel Silva de Souza, 30, foi jogado em um barranco localizado no final da rua Mina, bairro Nova Floresta, Zona Leste de Manaus.

    A vítima foi encontrada no início da manhã por moradores que utilizam o local como depósito de lixo. Conforme os relatos, Manoel era usuário de drogas e tinha como companhia pessoas ligadas a crimes praticados no bairro. Durante a madrugada, a vítima foi vista com dois homens pelas ruas do local.

    Informações dos familiares dão conta de que Manoel morava com uma irmã de 40 anos de idade e sofria de distúrbios mentais, mas não tinha problemas com ninguém.

    "Não sabemos quem fez isso com o nosso irmão. Ele era uma pessoa pacata e não mexia com ninguém", comentou uma das irmãs da vítima, que pediu para não ter o nome revelado.

    Para a polícia, o crime pode estar ligado a uma desavença motivada por dívidas no tráfico de drogas. O Corpo de Bombeiros fez o resgate da vítima do barranco, devido o local ser de difícil acesso. O Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção do corpo.

    A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investigará o assassinato para identificar os autores.

    Por Josemar Antunes