Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Enchente atinge bairro Itaquatinga

    Moradores do bairro Itaquatinga, na Zona Sul da Ilha Tupinambarana, pedem socorro – foto: Tadeu de Souza

    Embora considerada uma enchente de menor proporção em relação à do ano passado, em Parintins (distante 369 quilômetros de Manaus) a cheia deste ano já inundou a uma parte do bairro de Itaquatinga, na Zona Sul da cidade.

    As famílias mais atingidas residem no beco Ademir Farias. Muitas já abandonaram suas residências, que estão comprometidas pelas águas dos afluentes do rio Amazonas.

    “Nós estamos vivendo uma situação muito difícil. Os técnicos da Defesa Civil municipal já estiveram aqui e prometeram voltar esta semana com madeira para subir a ponte e socorrer as casas que estão em situação mais precária”, afirmou o presidente da associação de moradores, Messias Oliveira.

    Nadir Santos, 65, que mora no final do beco, disse que sua casa já está comprometida. “Até sábado, se continuar chovendo como está não teremos mais condições de viver aqui sem que se faça uma maromba”.

    Para o presidente da associação de moradores, Messias Oliveira, a maior preocupação é com as crianças. “Vocês estão vendo que aqui atrás virou um imenso lago e ele tem ligação com o Amazonas, portanto, entra bicho grande como jacaré, cobra e outros que põem em risco a vida da gente e das crianças”, disse.

    Prioridade

    O coordenador da Defesa Civil municipal, Suame Patrocínio, disse que, por determinação do prefeito Alexandre da Carbrás, o beco Ademir Farias é prioridade.

    “Já estivemos no local e fizemos o levantamento das famílias. Estamos aguardando apenas a doação de uma madeira por parte do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) para iniciarmos os trabalhos no local”, afirmou.

    Patrocínio acredita que até o final da semana uma nova ponte seja construída no beco e as famílias que estiverem precisando aumentar o assoalho vão receber madeira.