Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Morre, em Brasília, a ex primeira-dama do Amazonas, Amine Lindoso

    Ex-primeira-dama do Estado realizou importantes ações sociais – foto: divulgação
    Ex-primeira-dama do Estado realizou importantes ações sociais – foto: divulgação

    A ex-primeira-dama Amine Lindoso, esposa do ex-governador José Bernardino Lindoso, morreu às 10h30 da manhã deste domingo (28) em Brasília (DF), aos 91 anos de idade.

    Conhecida por seus atos humanitários, dona Amine Lindoso foi, durante toda a sua trajetória enquanto primeira-dama do Amazonas e cidadã, um exemplo de bondade e respeito ao próximo. Entre seus atos mais importantes esteve a busca por incentivos que foram repassados para a organização que cuidava dos hansenianos do Estado, durante o mandato do seu marido.

    Em Manaus, dois locais carregam o nome da ex-primeira-dama. O Serviço de Acolhimento Institucional (SAI) Amine Daou Lindoso é uma casa de passagem que oferece abrigo a crianças e adolescentes entre 0 e 18 anos. O abrigo é destinado a vítimas de maus-tratos, negligência, abandono, violência física, psicológica e sexual, além de exploração do trabalho infantil e sexual.

    Outro ponto é a escola municipal Amine Daou Lindoso, localizada na Rua Aluísio Brasil, bairro Japiim, também com o nome da ex-primeira-dama.

    Mais lidas

    1. Entenda como são feitas as buscas por vítimas de afogamento no Amazonas

    2. Procuradores repudiam ataques de defensor público no AM e divulgam nota

    3. Saiba como funciona a tarifa de esgoto em Manaus

    4. Aprovados no concurso do TJAM pedem nomeação e marcam protesto

    5. Evento internacional sobre reprodução de peixes será realizado em Manaus