Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Em Parintins, Rapaz diz que deu soco em pescador, mas não tinha intenção de matá-lo

    Lucas foi ouvido na 3ª Delegacia Interativa de Parintins - foto: Tadeu de Souza
    Lucas foi ouvido na 3ª Delegacia Interativa de Parintins - foto: Tadeu de Souza

    Parintins (AM) – Preso suspeito de ter matado o pescador Wanderley Souza dos Santos, 47, Lucas Carvalho Meneses, 19, disse que não tinha intenção de matá-lo. Lucas foi detido na zona rural de Parintins (a 369 quilômetros de Manaus).

    Policiais militares informaram que ele tentou fugir nadando, após o crime, que ocorreu no último sábado (2), por volta das 23h, na Baixa de São José.

    Lucas declarou, em depoimento, que brigou com o pescador. Ao ser atingido com um soco, Wanderley caiu e bateu a cabeça na calçada. Ele sofreu traumatismo craniano.

    “Ele tentou me bater, eu reagi e dei outro soco nele e depois fui me embora. Não sabia que ele tinha morrido”, disse.

    Lucas foi ouvido na 3ª Delegacia Interativa de Parintins, onde foi autuado por homicídio, após os procedimentos ele permanecerá na carceragem da delegação a disposição da justiça.

    Por Tadeu de Souza

    Mais lidas

    1. Entenda como são feitas as buscas por vítimas de afogamento no Amazonas

    2. Procuradores repudiam ataques de defensor público no AM e divulgam nota

    3. Saiba como funciona a tarifa de esgoto em Manaus

    4. Aprovados no concurso do TJAM pedem nomeação e marcam protesto

    5. Evento internacional sobre reprodução de peixes será realizado em Manaus