Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Comerciante é preso suspeito de mandar matar desafeto, no Santa Etelvina

    Antônio foi autuado por homicídio qualificado e será levado à Cadeia Pública - foto: Luis Henrique
    Antônio foi autuado por homicídio qualificado e será levado à Cadeia Pública - foto: Luis Henrique

    Preso na tarde de terça-feira, o comerciante Antônio Edcarlos de Oliveira, 42, – conhecido como ‘Carlão’ – é considerado pela Polícia Civil o mandante do assassinato de Francisco Guedes Benevides, 28, ocorrido no dia 23 de novembro de 2013, na rua Acaiaca, no bairro Santa Etelvina, na Zona Norte de Manaus.

    O suspeito foi preso na tarde dessa terça-feira (12), em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pelo juiz da 2ª Vara do Tribunal do Júri, Anésio Rocha Pinheiro. A prisão ocorreu em um bar localizado na Avenida Mulateiro, no mesmo local onde ocorreu o crime.
    O delegado Jander Mafra, do 13° Distrito Integrado de Polícia (DIP), disse que o crime foi motivado por vingança. “O Antônio havia sido atacado pelo Francisco com um gargalo de garrafa. Por esse motivo, o Antônio ordenou que os comparsas dele matassem o Francisco”, declarou Mafra.

    Ainda conforme o delegado, os homens que mataram Francisco foram identificados como Alessandro Pereira da Silva, conhecido como ‘Piá’; Alan da Silva Almeida, conhecido como ‘Bóris’; e Handerson Queiroz da Silva. Um adolescente de 16 anos, conhecido como ’Bodó’, foi apreendido por envolvimento no crime. Dos quatro suspeitos, somente Alessandro e Alan foram presos, os outros estão foragidos.

    Antônio foi autuado por homicídio qualificado e será levado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro da capital.

    Por Mara Magalhães

    Com informações de Luis Henrique