Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Seduc e SSP discutem providências para aprimorar segurança nas escolas

    A reunião contou com a participação, também, de representantes da comunidade docente e estudantil - foto: divulgação
    A reunião contou com a participação, também, de representantes da comunidade docente e estudantil - foto: divulgação

    Com o objetivo de discutir estratégias visando aprimorar a segurança no perímetro das escolas públicas amazonenses, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e a Secretaria de Segurança Pública (SSP) estabelecerão parceria com a perspectiva de aprimorar a segurança da comunidade estudantil e docente.

    O estudo de prioridades e as medidas desta nova etapa de parceria institucional foram discutidos, em reunião, pelo secretário de Estado de Educação, Algemiro Ferreira Lima e pelo ouvidor geral da Secretaria de Segurança Pública, Aloísio Paes.

    A reunião contou com a participação, também, de representantes da comunidade docente e estudantil.

    De acordo com o secretário da Seduc, Algemiro Ferreira Lima, as medidas discutidas e que devem ser postas em prática já nas próximas semanas, configuram-se como uma estratégia projetada pelas entidades do Governo do Estado, para garantir maior segurança à comunidade escolar. “A integração entre os segmentos de Educação e Segurança Pública, será a base para a projeção de ações de enfrentamento e prevenção ao crime em áreas do entorno das escolas públicas estaduais”, afirmou o secretário da Seduc, Algemiro Ferreira Lima.

    Atualmente, em Manaus, a rede pública estadual de ensino conta com 232 escolas, localizadas em todas as zonas.

    Conforme o ouvidor geral da Secretaria de Segurança Pública, Aloísio Paes, a integração é necessária e contribuirá para a efetividade das providências.

    Na reunião realizada entre representantes da SSP, Seduc e da comunidade estudantil e docente, um conjunto de medidas e providências foi discutido e resultará em um plano de ação de enfrentamento e prevenção à criminalidade.

    Dentre as providências discutidas, destacam-se: a participação de lideranças escolares nos Conselhos Comunitários de Segurança, que contarão, também, com a presença de delegados e comandantes de Companhias Interativas Comunitárias (Cicoms); a possibilidade de interligação das câmeras de monitoramento das escolas com o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops); o treinamento de servidores escolares para a percepção do uso e porte de drogas; providência de concertinas nos muros escolares; integração da totalidade dos gestores escolares com o comando policial dos bairros, dentre outras.

    Participaram, também, da reunião técnica, a secretária de Educação Adjunta da Capital, Nazaré Vicentim e o ouvidor da Seduc, Ricardo Henrique Soares.

    Com informações da assessoria

    Mais lidas

    1. Entenda como são feitas as buscas por vítimas de afogamento no Amazonas

    2. Procuradores repudiam ataques de defensor público no AM e divulgam nota

    3. Saiba como funciona a tarifa de esgoto em Manaus

    4. Aprovados no concurso do TJAM pedem nomeação e marcam protesto

    5. Evento internacional sobre reprodução de peixes será realizado em Manaus