Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Operação em Lábrea prende quadrilha de grileiros

    Os suspeitos foram levados para o 6ª Delegacia Interativa de Polícia Civil de Lábrea (DIPCL) - fotos; divulgação/PM
    Os suspeitos foram levados para o 6ª Delegacia Interativa de Polícia Civil de Lábrea (DIPCL) - fotos; divulgação/PM

    Três homens foram presos, na manhã desta sexta-feira (30) durante a operação 'Terra', deflagrada pela Polícia Militar em Lábrea (a 702 quilômetros de Manaus). A ação teve como objetivo desarticular uma quadrilha em grilagem de terras no município.
    De acordo com o tenente da 4º Comando Independente da Polícia Militar (Cipm) de Lábrea, Laurenio Silva, o trio é suspeito de invadir te

    rras e expulsar proprietários de sítios e fazendas localizadas nos quilômetros 36 e 42 da rodovia federal Transamazônica. A ação contou com o apoio do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

    “Recebemos uma denúncia que uma quadrilha estava invadindo vários terrenos ao longo da Transamazônica. Eles chegavam aos locais, expulsavam os moradores e começavam a desmatar a área sob a alegação que iriam fazer assentamentos. Eles chegavam a apresentar documentos de origem duvidosa da área para justificar a ação. Quando chegamos ao local encontramos uma grande quantidade de hectares de matas desmatadas tanto às margens da BR 230, como as margens do Rio Marí” disse o tenente.

    Ainda conforme o tenente Silva, os suspeitos são de Guajará Mirim (RO) e vinham para o município praticar o ato. Os homens não possuíam nenhum documento com autorização expedido pelos órgãos competentes para desmatar qualquer área. Com eles foram apreendidos 21 facões, uma motosserra, correntes, combustível e alimentos.

    materila-divulg

    O trio e os materiais aprendidos foram levados para a 6ª Delegacia Interativa de Polícia Civil de Lábrea (DIPCL). Os suspeitos foram indiciados por crime ambiental, formação de quadrilha e invasão de propriedade.

    Por equipe EM TEMPO Online