Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    SSP-AM inicia projeto 'Rota Segura em Manaus' em ônibus do Polo Industrial

    Dentro do projeto, é previsto o monitoramento por meio de câmeras instaladas dentro dos ônibus - divulgação/SSP

    A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) lançou, nesta terça-feira (21), no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), o projeto 'Rota Segura em Manaus'. O projeto é uma das estratégias do Sistema de Segurança para coibir os assaltos a ônibus do transporte público na capital, sendo que inicialmente será empregado como piloto nas rotas que transportam os trabalhadores do Polo Industrial de Manaus, o transporte especial.

    De acordo com o secretário Sergio Fontes, o projeto foi adotado a partir de uma demanda do transporte coletivo. "Vamos começar pelo transporte do Distrito e posteriormente com o transporte público. Vamos usar tecnologias, como câmeras, bem como o patrulhamento intensivo nos locais onde as rotas param, para oferecer mais segurança a essas pessoas e ao transporte", destaca Sérgio.

    Dentro do projeto, é previsto o monitoramento por meio de câmeras instaladas dentro dos ônibus e nos pontos de espera dos funcionários, feito pelo Centro Integrado de Comando e Controle. Isso permitirá uma pronta resposta das polícias Civil e Militar, nos casos de ocorrências.

    Outras ações previstas no Rota Segura são: abordagens a pessoas, prisão de infratores, apreensão de armas e drogas, recuperação de objetos furtados ou roubados e outros.

    O secretário executivo-adjunto de Planejamento e Gestão Integrada, coronel Dan Câmara, explica que já existe um mapeamento das áreas com maiores ocorrências de assalto a rotas.

    "A partir desse mapeamento temos maior controle das áreas com maiores riscos de roubo e poderemos aumentar nossa pronta resposta. O objetivo é melhorar o nível de segurança em todas as rotas e essa estratégia não é apenas para o Distrito Industrial, ela estará disponível para o transporte coletivo em geral", ressaltou.

    Segundo o representante do Centro das Indústrias do Amazonas (Cieam), João Mezari, a parceria deverá permitir maior tranquilidade aos colaboradores das empresas do Polo Industrial.

    "Atualmente temos por volta de 70 mil colabores, a grande maioria utiliza rota para a empresa e depois de volta para as suas casas, e queremos a partir dessa parceria, poder oferecer apoio ao Sistema de Segurança e minimizar a questão de roubo as rotas", destacou.

    Com informações da assessoria