Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Mulheres são presas por tráfico de drogas no Tarumã

    Apontada como uma das líderes do tráfico de drogas, a ex-presidiária Rosiane Rego de Oliveira, 31, e as comparsas Adriane Nunes da Silva, 25, e Leiliane Furtado, 26, foram presas na última quinta-feira (9). O fato ocorreu na rua 11, comunidade União da Vitória, bairro Tarumã, Zona Oeste. De acordo com a polícia, desde que o ex-marido de Rosiane, identificado como Diego Coelho da Encarnação, foi preso há quase oito anos, a ex-presidiária assumiu a "boca de fumo".

    De acordo com a Polícia Civil, Adriane guardava a droga para a ex-presidiária por R$ 50 e Leiliane agia como "olheira" no local onde funcionada a “boca” comandada por Rosiane. Os policiais investigaram a rotina do trio por três meses.

    Ainda segundo a polícia, na tarde de quinta, os policiais fizeram uma revista na casa das suspeitas onde encontraram pedras de cocaína e pedras de oxi, além de fermento e kits de entorpecentes que seriam comercializados.

    Conforme o titular do 20º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Rodrigo Sá, as suspeitas começaram a vender drogas na rua no começo da tarde até o fim da noite. "Os filhos da Rosiane disseram, em depoimento, que sabiam que mãe vendia drogas há muito tempo. Elas se envolveram com o tráfico por conta da participação de seus respectivos maridos", informou.

    As mulheres foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas e levadas ao Centro de Detenção Provisório Feminino (CDPF).

    Ana Sena
    EM TEMPO