Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Falso cirurgião plástico falta ao próprio julgamento e alega depressão

    O ex-médico alegou que está com depressão - Arquivo EM TEMPO

    Acusado de mutilar aproximadamente 26 mulheres durante cirurgias plásticas, o ex-médico, Carlos Jorge Cury Mansilla, não compareceu à audiência de instrução e julgamento que ocorreu na manhã desta segunda-feira (10), na 11ª Vara Criminal, localizada no Fórum Henoch Reis, bairro Aleixo, Zona Centro-Sul. Segundo a assessoria do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), o réu apresentou um atestado médico alegando depressão para não comparecer à audiência. O atestado será analisado pela juíza Priscila Pinheiro, titular em exercício da vara.

    Carlos foi cassado pelo Conselho Regional de Medicina do Estado do Amazonas (Cremam) e pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), após realizar as cirurgias no Estado de Rondônia, Goiás e Amazonas sem a especialização.

    Durante a audiência, uma das vítimas do ex-médico, Anatercia de Souza Santos, prestou depoimento, além de duas testemunhas de acusação. Nesse processo, as audiências acontecem na terça-feira e quarta-feira e nove pessoas devem prestar depoimento.

    Cury é acusado de realizar cirurgias plásticas sem ter a especialização necessária - Divulgação

    À imprensa, Anatercia afirmou que fez a cirurgia de lipoaspiração em 2010 e ficou com cicatrizes na barriga e acabou ficando sem o umbigo por conta das mutilações.

    "Na época quando o procurei, ele disse que as cicatrizes iam sumir, assim como a dor, mas até hoje não sumiu e eu vivo a base de remédios. Ele disse que ia ficar bom e nunca ficou”, disse.

    Ainda segundo a assessoria do TJAM, é esperado que o médico compareça nas próximas audiências. Ao todo, são 27 processos contra o ex-médico, sendo um criminal, pois uma vítima morreu por conta da cirurgia mal feita. Esse processo deve ser encaminhado à uma das varas do Tribunal do Júri.

    Ana Sena

    EM TEMPO

    Mais lidas

    1. Entenda como são feitas as buscas por vítimas de afogamento no Amazonas

    2. Procuradores repudiam ataques de defensor público no AM e divulgam nota

    3. Saiba como funciona a tarifa de esgoto em Manaus

    4. Aprovados no concurso do TJAM pedem nomeação e marcam protesto

    5. Evento internacional sobre reprodução de peixes será realizado em Manaus