Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Bombeiro hidráulico morre em hospital após ser esfaqueado na Zona Norte

    A vitima foi agredida e esfaqueado por um grupo de homens, ainda não identificados, em uma feira do bairro - Arquivo/AET

    Após oito dias de internação, o bombeiro hidráulico Rozinaldo de Sá Batista, 31, morreu na noite desta segunda-feira (17), no Hospital Pronto-Socorro João Lúcio. Rozinaldo foi agredido e esfaqueado no dia 9 deste mês, na rua 13, bairro Amazonino Mendes, Zona Norte de Manaus.

    Rozivaldo não resistiu aos ferimentos e morreu por volta das 19h15, na unidade de saúde. De acordo com o registro da Delegacia Especializada eme Homicídios e Sequestros (DEHS), o bombeiro hidráulico foi agredido por um grupo de homens, ainda não identificados, e em seguida recebeu golpes de faca pelo corpo após uma discussão em uma feira do bairro.  A motivação e os autores do crime estão sendo investigados pela DEHS.

    O corpo de Rozinaldo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). A família da vitima não foi localizada no endereço fornecido no registro do IML.

    Daniel Landazuri
    EM TEMPO

    Mais lidas

    1. Entenda como são feitas as buscas por vítimas de afogamento no Amazonas

    2. Procuradores repudiam ataques de defensor público no AM e divulgam nota

    3. Saiba como funciona a tarifa de esgoto em Manaus

    4. Aprovados no concurso do TJAM pedem nomeação e marcam protesto

    5. Evento internacional sobre reprodução de peixes será realizado em Manaus