Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Irmãos sofrem duplo homicídio no São José e polícia acredita em 'acerto de contas'

    Testemunhas do duplo homicídio acreditam que os irmãos foram vítimas de uma emboscada | Divulgação

    Os irmãos Leandro Vilaça de Oliveira, de 17 anos, e Luan Ferreira de Oliveira, 19, foram mortos a tiros na noite desta quarta-feira (12), na rua 16 do São José, na Zona Leste.

    De acordo com testemunhas, os irmãos foram mortos no momento em que saiam de um comércio. Dois homens em uma motocicleta fizeram os disparos e fugiram do local.

    "Eles estavam na pracinha com outras pessoas e foram comprar cigarro. Acreditamos que foi uma emboscada. Os homens esperaram eles saírem da taberna e já foram atirando", contou um morador do São José que pediu para não ter o nome divulgado.

    Luan morreu no local, com tiros nas costas e braço esquerdo. Leandro chegou a ser levado na carroceria de uma picape para o hospital João Lucio, mas não resistiu e morreu momentos depois.

    Os familiares das vítimas contaram que tanto Luan quanto o Leandro eram usuários de drogas. "Sabíamos que eles usavam drogas, mas desconhecemos se eles estavam devendo traficantes ou recebendo ameaças de alguém", contou a irmã Juliana Ferreira, 23.

    De acordo com a Polícia, o crime foi motivado por um acertos de contas. Um dos suspeitos já  foi identificado, mas não teve o nome divulgado para não atrapalhar as investigações.

    Daniel Landazuri
    EM TEMPO