Fonte: OpenWeather

    Concurso Público


    Exército abre mais de cem vagas para Minas e outros três estados

    Podem se candidatar profissionais de todos os níveis de escolaridade. As funções têm duração de um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de oito anos.

    As funções têm duração de um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de oito anos.
    As funções têm duração de um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de oito anos. | Foto: Divulgação

    O Exército divulgou a abertura de seis novos processos seletivos para um total de 119 vagas imediatas e cadastro de reserva para prestação de Serviço Militar Voluntário, para Minas Gerais, Distrito Federal, Goiás e Tocantins. 

    Podem se candidatar profissionais de todos os níveis de escolaridade. As funções têm duração de um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de oito anos.

    As vagas em Minas são para a região do Triângulo Mineiro, nas cidades de Uberlândia e Araguari. As demais oportunidades são para Brasília, no Distrito Federal, Palmas, no Tocantins, além dos municípios goianos de Goiânia, Cristalina, Ipameri, Araguai, e Formosa. Os salários variam de R$ 956 a R$ 6.993.

    Os candidatos devem se inscrever de 11 de julho a 1º de agosto pelo site www.11rm.eb.mil.br.

    Triângulo Mineiro

    As vagas para Uberlândia são para Aspirante a oficial na área da saúde (clique para ver o edital) Sargento técnico em diversas áreas (clique para ver o edital), e Sargento técnico em tecnologia da informação (clique para ver o edital)

    A cidade de Araguari tem duas vagas para Sargento técnico em diversas áreas (clique para ver o edital).

    Outros estados

    Além das vagas para Minas, outros Estados têm oportunidades para Aspirante a oficial em Tecnologia da informação, Aspirante a Oficial em diversas áreas, Sargento técnico em tecnologia da informação e Cabo especialista.

    Leia mais:

    Prefeitura de Manaus abre processo seletivo para formadores do projovem

    TJAM prepara novo concurso público para o Amazonas

    Após polêmica Seduc divulga nova data para aplicação de prova