Fonte: OpenWeather

    Economia


    Sabin amplia atendimento clínico em Manaus

    Mesmo com a crise econômica que assola empreendedores de todo o país, grandes empresas não deixam de investir no Amazonas. O Laboratório Sabin, inaugurou nova unidade, em Manaus, no último dia 14, com a presença da presidente executiva do grupo, Lídia Abdalla. O novo laboratório foi instalado no Shopping Ponta Negra, Zona Oeste da Manaus.

    Conforme a executiva, o mercado de saúde tem, historicamente, apresentado crescimento em anos de crise. Mas, para a expansão aconteça, ela observou que depende das características dos lugares. “Tem capital que os serviços de saúde têm crescidos bastantes como é o nosso caso. Nós temos tido varias oportunidades e realmente há uma demanda crescente de procura pelos nossos serviços”, relatou.

    Neste ano, o Sabin prevê investimentos na ordem de R$ 3 milhões em Manaus. Existe uma previsão de inaugurar outras cinco unidades, que totalizará seis novos empreendimentos na região. Dentre eles, R$ 1,5 milhão será destinado ao novo Núcleo Técnico Operacional (NTO), na nova matriz, que será instalada no bairro Adrianópolis, zona centro-sul.

    Lídia salientou que o objetivo com a inauguração das novas unidades este ano é ter uma estrutura mais robusta para poder incluir novos exames que serão oferecidos a população. Segundo ela, com a ampliação será possível liberar mais exames, sendo que hoje, aproximadamente 95% são realizados no Núcleo Técnico Operacional de Manaus.

    Conforme a presidente executiva do Laboratório Sabin, a nova unidade inaugurada na capital gerou em torno de 10 empregos diretos, além dos indiretos que, segundo ela, crescem à medida que ampliam o atendimento do laboratório.

    Por Silane Souza (equipe EM TEMPO)

    Mais lidas

    1. Expectativa de crescimento favorece criação de empregos temporários no Natal

    2. Demanda por voos para os Estados Unidos cresce no Brasil

    3. Gás de botijão leva prévia da inflação oficial a 0,34% em outubro, diz IBGE

    4. Ministério da Fazenda autoriza aumento das tarifas de serviços dos Correios

    5. Comércio chega ao sétimo mês de crescimento e espera alta de até 5% no fim do ano