Fonte: OpenWeather

    Economia


    Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 7 milhões na quarta

    Nenhuma aposta acertou as seis dezenas do concurso 1722 da Mega Sena, realizado no sábado (11) em Ipameri (GO), e o prêmio acumulou. Os números sorteados foram: 09 - 23 - 39 - 41 - 49 - 58. Porém, 33 apostas acertaram a quina e levarão a quantia de R$ 52.798,49. Outras 2.640 fizeram a quadra, que vai pagar R$ 942,83.

    A Quina também acumulou. Ninguém acertou as cinco dezenas sorteadas no concurso 3829: 10 - 15 - 37 - 46 - 60. Porém, 48 apostas fizeram a quadra e ficam com um prêmio de R$ 13.878,06 cada uma. Mais 5.116 bilhetes fizeram o terno e levaram R$ 186,01 cada uma.

    No concurso 1571 da Lotomania, uma aposta de Medeiros Neto (BA) acertou as 20 dezenas e levou um prêmio de R$ 1.101.990,59. A faixa de 0 acertos também teve uma aposta vencedora, de Guanambi (BA), que receberá R$ 121.931,02.

    Na faixa de 19 acertos, 15 bilhetes levarão o prêmio individual de R$ 16.257,47. Com 18 acertos, 298 apostadores ganharão R$ 1.169,04 cada um. Em 17 pontos, 2.350 apostas foram premiadas com R$ 64,85. Outros 13.394 apostadores levarão R$ 11,37 por terem acertado 16 dezenas. As dezenas sorteadas foram: 00 - 01 - 03 - 06 - 07 - 13 - 14 - 17 - 23 - 27 - 33 - 36 - 38 - 42 - 54 - 68 - 71 - 73 - 77 - 91.

    A Timemania também acumulou. Ninguém acertou as sete dezenas do concurso de número 749: 02 - 09 - 37 - 40 - 58 - 60 - 73. Na faixa de 6 acertos, 2 apostadores levarão o prêmio individual de R$ 35.470,89. Com 5 acertos, 106 apostas foram premiadas com R$ 956,08. Por 4 acertos, 2.033 acertadores receberão R$ 6. Na faixa de três acertos, 20.431 apostadores levarão R$ 2. Outros 7.661 apostadores receberão R$ 5 por terem acertado o "Time do coração": Avaí (SC).

    Por Folhapress

    Mais lidas

    1. Expectativa de crescimento favorece criação de empregos temporários no Natal

    2. Demanda por voos para os Estados Unidos cresce no Brasil

    3. Gás de botijão leva prévia da inflação oficial a 0,34% em outubro, diz IBGE

    4. Ministério da Fazenda autoriza aumento das tarifas de serviços dos Correios

    5. Comércio chega ao sétimo mês de crescimento e espera alta de até 5% no fim do ano