Fonte: OpenWeather

    Economia


    Demanda por crédito recua 1,8% em agosto, indica Serasa Experian

    A demanda do consumidor por crédito caiu 1,8% em agosto, na comparação com o mês anterior. Os dados são da empresa de consultoria Serasa Experian e mostram que também houve recuo (de 1,4%) em relação ao mesmo mês do ano passado.

    No acumulado do ano, no entanto, o indicador cresceu 4,2% de janeiro a agosto, no comparativo com igual período de 2014.

    Na avaliação dos economistas da Serasa Experian, a queda mensal reflete a crise econômica, em um cenário de altas taxas de juros e de baixo patamar no nível de confiança dos consumidores.

    Em agosto, a demanda diminuiu em todas as faixas de renda. As quedas mais expressivas ocorreram entre aqueles que ganham menos (-2,1% para quem ganha até R$ 500 mensais) e entre os consumidores com maior rendimento (-2,2% para renda acima de R$ 10 mil por mês). Por outro lado, no acumulado de janeiro a agosto, houve retração apenas na faixa de menor de renda (-2,1% para quem recebe até R$ 500 ao mês).

    Na análise por região, todas registraram diminuição na demanda por crédito. A maior delas ocorreu na Região Norte, com recuo de 4% em relação a julho. No Centro-Oeste e Sudeste, a diminuição da busca por crédito ficou acima da média nacional, com decréscimo de 1,9% e de 2,4%, respectivamente. O Nordeste (0,4%) e o Sul (0,7%), por sua vez, tiveram as menores retrações.

    Por Agência Brasil

    Mais lidas

    1. Expectativa de crescimento favorece criação de empregos temporários no Natal

    2. Demanda por voos para os Estados Unidos cresce no Brasil

    3. Gás de botijão leva prévia da inflação oficial a 0,34% em outubro, diz IBGE

    4. Ministério da Fazenda autoriza aumento das tarifas de serviços dos Correios

    5. Comércio chega ao sétimo mês de crescimento e espera alta de até 5% no fim do ano