Fonte: OpenWeather

    Economia


    Devolução de cheque sem fundo atingiu maior taxa para mês de agosto em 24 anos

    Devolução de cheque sem fundo atingiu maior taxa para mês de agosto em 24 anos
    Devolução de cheque sem fundo atingiu maior taxa para mês de agosto em 24 anos

    A inadimplência de cheques no mês de agosto alcançou 2,11% em relação ao total de documentos compensados. O número é o maior já registrado para o período desde 1991, segundo o Indicador Serasa Experian de Cheques sem Fundos. Apesar do recorde, o cenário é de ligeira melhora sobre as condições de pagamento no mês de julho, quando foram devolvidos 2,29% do total de emissões.

    No acumulado de janeiro a agosto deste ano, o índice atingiu 2,19%, resultado pouco superior à taxa verificada no mesmo período do ano passado (2,1%). Para os economistas da Serasa Experian, o resultado se deve ao desaquecimento da economia que trouxe mais desemprego, além de aumento da inflação e dos juros.ortante que as empresas entendam que vivemos num mundo em que a diversidade não deve ser apenas aceita, mas entendida como característica muito positiva. A empresa que não perceber isso perderá o bonde da história. Ela deixará de contratar pessoas extremamente eficientes, perderá grandes talentos”, disse o auditor.

    Por Agência Brasil

    Mais lidas

    1. Expectativa de crescimento favorece criação de empregos temporários no Natal

    2. Demanda por voos para os Estados Unidos cresce no Brasil

    3. Gás de botijão leva prévia da inflação oficial a 0,34% em outubro, diz IBGE

    4. Ministério da Fazenda autoriza aumento das tarifas de serviços dos Correios

    5. Comércio chega ao sétimo mês de crescimento e espera alta de até 5% no fim do ano