Fonte: OpenWeather

    Rei do Futebol


    Novo filme sobre o Rei Pelé ganha espaço na Netflix

    O filme se concentra no período entre 1958 e 1970, quando o Brasil conquistou três das cinco Copas do Mundo

     

    O foco principal está no papel de Pelé nos triunfos dos três Mundiais
    O foco principal está no papel de Pelé nos triunfos dos três Mundiais | Foto: Divulgação/CBF

    Foi lançado nesta terça-feira (23) na Netflix um novo filme sobre Pelé. A série de documentários que tem sido descrita como a era de ouro de filmes sobre esportes.

    O filme se concentra no período entre 1958 e 1970, quando o Brasil conquistou três das cinco Copas do Mundo que possui e se estabeleceu como o país do futebol. Fora de campo, os dias de glória do final dos anos 1950, quando a produção cultural única do Brasil tomou o mundo de assalto, deu lugar a tempos sombrios na esteira do golpe militar de 1964.

    O foco principal está no papel de Pelé nos triunfos dos três Mundiais, e particularmente na Copa de 1970, quando ele levou o que se considera um dos maiores times de futebol de todos os tempos à vitória no México.

    Documentários sobre o jogador de basquete norte-americano Michael Jordan, o jogador de futebol argentino Diego Maradona e o piloto brasileiro de Fórmula 1 Ayrton Senna estão encantando fãs com suas visões de bastidores da atuação e da personalidade dos grandes astros esportivos.

    "Acho que pensávamos que ele era um cara do qual todos, inclusive os torcedores de futebol, tinham um conhecimento bastante superficial", disse o codiretor Ben Nicholas à Reuters. "Mas realmente queríamos explicar como este garoto se tornou o personagem mítico que ele se tornou".

    "Se Pelé e o Brasil não vencem em 1970, ele não se torna Pelé e o Brasil não se torna realmente o Brasil", disse o codiretor David Tryhorn. "Este é o selo de qualidade da identidade de Pelé e da identidade do país".

    O filme de 108 minutos evita comparações com Maradona, Lionel Messi ou Cristiano Ronaldo, três jogadores citados com frequência como rivais de Pelé pelo título de maior jogador da história.

    Ao invés disso, a homenagem se concentra na condição de desbravador de Pelé. "Sei que houve grandes jogadores antes dele, mas ele foi o verdadeiro pioneiro, ele foi o Elvis, foi o Neil Armstrong", disse Tryhorn.

     Leia mais:

    Palmeiras anuncia nova camisa; veja vídeo

    'Eu acredito na nossa equipe' afirma treinador do Nacional