Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Com falha de Cássio, Corinthians perde e se complica na Libertadores

    Jogando no tradicional estádio Defensores del Chaco, em Assunção, o Corinthians foi derrotado pelo o Guaraní por 2 a 0 na primeira partida das oitavas de final da Copa Libertadores.

    O primeiro gol do confronto foi anotado pelo atacante Santander, aos 14 min da etapa complementar. O vice-artilheiro da Libertadores com seis gols cobrou falta da intermediária em chute forte, Cássio caiu mal e levou um frango.

    Aos 36 min, em rápido contra-ataque do Guaraní, o atacante Contrera foi lançado, venceu Felipe na corrida e bateu cruzado no canto direito de Cássio, sem chances de defesa para o goleiro do Corinthians.

    Nem mesmo a volta de Paolo Guerrero, fora da equipe após contrair dengue, foi suficiente para o Corinthians balançar as redes paraguaias. Fazendo dupla com o jovem Luciano, escolhido pelo técnico Tite para suprir as ausências dos suspensos Emerson Sheik e Mendoza, o peruano mostrou falta de ritmo e não teve atuação destacada.

    Com muito espaço entre os setores do time, o Corinthians teve muitas dificuldades para fazer triangulações e criar oportunidades reais de gol. Responsáveis pela criação de jogadas, Jadson, Renato Augusto e Elias abusaram dos erros de passes.

    Com a derrota de hoje, o Corinthians precisa vencer por 2 a 0 para levar o jogo para os pênaltis. Se vencer por três de vantagem sem levar gol, passa de fase. Já o Guaraní pode até perder por um gol de diferença.

    A partida de volta deste duelo será na próxima quarta-feira (13), às 22h, no Itaquerão. Quem avançar terá pela frente o vencedor do confronto entre Racing-ARG e Montevideo Wanderers-URU.

    Por Folhapress

    Mais lidas

    1. Treinadores reclamam da arbitragem no Amazonense de base

    2. Judoca amazonense disputa Mundial Júnior na Croácia

    3. Inscrições para 8º edição da Corrida Cidade de Manaus abrem nesta quarta

    4. Dificuldades em aprender Matemática? Escola promove Festival de Xadrez para auxiliar o aprendizado de alunos

    5. Brasil mantém 2ª lugar de ranking da Fifa; cabeças de chave são confirmados