Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Sem o Gilbertão, Princesa duela com Fast na Colina

    Atacantes Léo Paraíba e Charles são promessas de bola na rede no confronto de logo mais – foto: Diego Janatã
    Atacantes Léo Paraíba e Charles são promessas de bola na rede no confronto de logo mais – foto: Diego Janatã

    Agora não pode falhar. Princesa do Solimões e Fast se enfrentam na tarde deste sábado (30), às 15h, no estádio da Colina pela primeira partida da semifinal do Campeonato Amazonense 2015. Nos dois primeiros confrontos realizados na durante a fase classificatória da competição, o Tubarão do Norte se deu melhor sobre o Rolo Compressor. Apesar do retrospecto favorável, o time comandado pelo técnico Zé Marco prega a tática do pé no chão para não ser surpreendido.

    Segundo o atacante Léo Paraíba, pelo investimento feito para a competição e melhor campanha durante a fase de classificação, o Fast é favorito para o confronto de logo mais, porém, o elenco do Princesa sabe de sua qualidade e vai buscar a vitória até o último minuto.

    “A preparação foi boa nesta semana. Descansamos bem para o confronto contra o Fast. Sabemos que eles têm uma boa equipe, então, temos que ter cautela. Eles têm a vantagem do empate e são favoritos para o confronto. O professor (Zé Marco) conversou bastante sobre isso e sabemos da nossa capacidade. Vamos em busca da vitória”, citou o atacante, que está sendo cogitado no Remo-PA após o final do Barezão.

    Pelo lado do Fast, o consenso geral entre os jogadores é que o time não pode mais falhar. Para o volante Roberto Dinamite, um dos destaques do time na competição, a palavra chave para o confronto é atenção.

    “Sabemos que agora é a semifinal. Os jogos são importantes. Não podemos mais errar como aconteceu nos primeiros dois jogos contra o Princesa onde sofremos derrotas. Então, tenho certeza que será um jogo difícil. Precisamos ter muita atenção”, afirmou o camisa 8 da equipe comandada pelo técnico João Carlos Cavalo.

    Um ponto que eleva a confiança da torcida fastiana é a boa fase que o time está vivendo na competição. O Tricolor não sabe o que é perder há cinco jogos. Entre essas vitórias, está uma sobre o Nacional. Dinamite afirmou que essa sequência só comprova que o time tem condições de ser campeão amazonense.

    Por Thiago Fernando (equipe Jornal EM TEMPO)

    Mais lidas

    1. Treinadores reclamam da arbitragem no Amazonense de base

    2. Judoca amazonense disputa Mundial Júnior na Croácia

    3. Inscrições para 8º edição da Corrida Cidade de Manaus abrem nesta quarta

    4. Dificuldades em aprender Matemática? Escola promove Festival de Xadrez para auxiliar o aprendizado de alunos

    5. Brasil mantém 2ª lugar de ranking da Fifa; cabeças de chave são confirmados