Fonte: OpenWeather

    Esportes


    São Paulo e FPF são condenados a pagar R$ 100 mil a corintiano pisoteado

    Em decisão publicada nesta quarta-feira (16), a Justiça de São Paulo determinou que o São Paulo e a Federação Paulista de Futebol devem pagar R$ 100 mil ao torcedor corintiano Eduardo do Carmo Soares de Sousa a título de danos morais. A decisão cabe recurso.

    Em 15 de fevereiro de 2009, após clássico entre Corinthians e São Paulo no Morumbi, ele sofreu o acidente após a explosão de uma bomba arremessada das arquibancadas. Assustados, os torcedores correram e pisotearam Carmo.

    Ele ficou internado por uma semana e ficou dois meses de repouso em sua casa. Ele perdeu o baço e teve parte do pâncreas danificada.

    Em primeira instância, Carmo recebeu decisão favorável: indenização de R$ 250 mil e pensão mensal de R$ 200 até que tenha 70 anos de idade.

    Após recurso, a indenização caiu para R$ 100 mil.

    São Paulo e FPF foram julgados responsáveis pelas falhas na organização e na segurança do evento que originaram as lesões de Carmo.

    Procurado pela Folha, o São Paulo disse que vai recorrer da decisão.

    Por Folhapress

    Mais lidas

    1. Treinadores reclamam da arbitragem no Amazonense de base

    2. Judoca amazonense disputa Mundial Júnior na Croácia

    3. Inscrições para 8º edição da Corrida Cidade de Manaus abrem nesta quarta

    4. Dificuldades em aprender Matemática? Escola promove Festival de Xadrez para auxiliar o aprendizado de alunos

    5. Brasil mantém 2ª lugar de ranking da Fifa; cabeças de chave são confirmados