Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Dunga elogia rivais da 1ª fase e diz que seleção precisa se preparar muito bem

    Ao lado do treinador da Argentina, Tata Martino, Dunga acompanhou sorteio dos grupos da Copa América
    Ao lado do treinador da Argentina, Tata Martino, Dunga acompanhou sorteio dos grupos da Copa América - foto: reprodução

    O técnico Dunga elogiou os rivais da seleção brasileira na primeira fase da Copa América Centenária e afirmou que a equipe terá que se preparar muito bem para brigar pelo título da competição, que será disputada entre os dias 3 e 26 de junho, nos Estados Unidos.

    Em sorteio realizado na noite deste domingo (21), em Nova York, o Brasil caiu no Grupo B e enfrentará na primeira fase o Equador, o Peru e o Haiti. A chave é considerada uma das mais fáceis da competição.
    "Quem quer ser campeão não pode escolher adversário. Vamos enfrentar as dificuldades de sempre contra os grandes rivais, que têm condições de ficar com o título, e também contra aquelas seleções consideradas sem tradição. Temos é que nos preparar muito bem para superar qualquer adversário, encarando todos com respeito", disse o treinador, que esteve presente no sorteio.

    "O Equador vive um momento muito bom, com atuações em que mostra muita confiança. Será um adversário complicado. O Haiti joga um futebol de força física e velocidade. Vai estar especialmente motivado por ter a oportunidade de disputar a Copa América. A seleção peruana melhorou e tem um grande técnico, o Ricardo Gareca", analisou.
    O primeiro jogo da seleção brasileira será realizado no dia 4 de junho contra o Equador, em Los Angeles. No dia 8, o duelo é diante do Haiti, em Orlando. Por fim, a equipe comandada por Dunga encerra a fase de grupos contra o Peru no dia 12, em Boston.

    Anfitriões da competição, os EUA encabeçam o Grupo A e têm pela frente o grupo mais equilibrado teoricamente, com Colômbia, Costa Rica e Paraguai.
    Atual vice-campeã da Copa América, a Argentina terá pela frente o seu algoz na final do ano passado: o Chile. Além dos campeões, os argentinos terão pela frente a Bolívia e o Panamá na chave D.
    No Grupo C, o México pega o Uruguai, a Jamaica e a Venezuela.

    CONFIRA COMO FICARAM AS CHAVES DA COPA AMÉRICA CENTENÁRIA

    GRUPO A
    EUA
    Colômbia
    Costa Rica
    Paraguai

    GRUPO B
    Brasil
    Equador
    Haiti
    Peru

    GRUPO C
    México
    Uruguai
    Jamaica
    Venezuela

    GRUPO D
    Argentina
    Chile
    Panamá
    Bolívia