Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Santos recusa oferta chinesa por Ricardo Oliveira

    Empresários que trabalham com o jogador dizem não saber do seu futuro no Santos - Foto: Divulgação
    Empresários que trabalham com o jogador dizem não saber do seu futuro no Santos - Foto: Divulgação

    O Beijing Guoan, da China, enfrenta dificuldade para realizar o desejo de contratar Ricardo Oliveira. A equipe asiática precisará aumentar a oferta, pois recebeu negativa do Santos na primeira tentativa.
    A ideia dos chineses foi fazer uma proposta abaixo da multa rescisória, mas os dirigentes santistas só pretendem liberar seu artilheiro caso o valor contratual seja pago integralmente. Empresários que trabalham com o jogador dizem que o valor é de 5 milhões de euros (quase R$ 22 milhões). O clube, por sua vez, diz que o montante é de 50 milhões de euros (quase R$ 220 milhões).

    O Guoan ganhou fama no Brasil recentemente por contratar Renato Augusto e Ralf, ambos ex-jogadores do Corinthians. Outro obstáculo para os chineses, aliás, também está no número de estrangeiros. Além da ex-dupla alvinegra, o elenco comandado pelo técnico italiano Alberto Zaccheroni conta com Yegor Krimets, do Uzbequistão, com Burak Yilmaz, da Turquia, e com o brasileiro Kleber.

    Como o limite de estrangeiros é de cinco, o clube precisaria se livrar de um deles para que Ricardo Oliveira chegasse. O escolhido foi Kleber. Com passagem frustrante recentemente no Palmeiras, o atacante será oferecido no mercado.

    Mas os chineses precisarão fazer tudo isso rapidamente. A janela de transferências internacionais da China será encerrada nesta sexta-feira (26).

    Por Folha Press

    Mais lidas

    1. Treinadores reclamam da arbitragem no Amazonense de base

    2. Judoca amazonense disputa Mundial Júnior na Croácia

    3. Inscrições para 8º edição da Corrida Cidade de Manaus abrem nesta quarta

    4. Dificuldades em aprender Matemática? Escola promove Festival de Xadrez para auxiliar o aprendizado de alunos

    5. Brasil mantém 2ª lugar de ranking da Fifa; cabeças de chave são confirmados