Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Sheik perde espaço com Muricy na equipe

    Emerson tem contrato com o Flamengo vai até o fim desta temporada - foto: divulgação
    Emerson tem contrato com o Flamengo vai até o fim desta temporada - foto: divulgação

    O prestígio de Emerson Sheik no Flamengo já não anda mais tão em alta como antes. Na reserva no empate em 2 a 2 com o Botafogo, o atacante deve permanecer no banco neste sábado (9), contra o Boavista, pela Taça Guanabara. Para agravar sua situação, ele ainda ganhou a concorrência de Fernandinho, que foi emprestado pelo Grêmio nesta quinta-feira até o fim da temporada.

    Sheik foi preterido pelo técnico Muricy Ramalho após o treinador abrir mão de seu esquema 4-3-3, utilizado desde o início do ano, para adotar o tradicional 4-4-2. A formação, aliás, foi mantida no coletivo realizado na última quarta no Ninho do Urubu, com Emerson novamente fora do time titular, o que aumentam os indícios de que ele ficará entre os suplentes mais uma vez diante da equipe de Saquarema.

    Em termos de conhecimento em relação a Muricy, Sheik e Fernandinho se equivalem. O primeiro foi campeão brasileiro junto com o treinador em 2010, pelo Fluminense. Já o segundo trabalhou com o comandante em 2009, no São Paulo.

    Titular da equipe, o meia Willian Arão aprova o rodízio de jogadores feito pelo técnico:

    "Temos um grupo forte, isso dá importância também para os jogadores que estão de fora e, consequentemente um alerta para quem está jogando. Tem que manter e elevar o nível para não dar brecha. É válido, porque eleva o nível do Flamengo e do elenco".

    Nesta temporada, Emerson disputou 13 das 18 partidas oficiais do Flamengo, sendo titular em 11 delas. O jogador é o vice-artilheiro da equipe no Campeonato Carioca com quatro gols.

    Identificado com a torcida, o atacante presenciou momentos raros de vaias nas partidas contra o Fluminense o Atlético-PR. Seu contrato com o Flamengo vai até o fim desta temporada.

    Por Folhapress