Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Com golaço de Giovanni Augusto, Corinthians goleia e avança às semis

    Com a vitória, o Corinthians aguarda os resultados dos outros jogos das quartas de final do torneio para conhecer o adversário das semifinais - foto: Daniel Augusto Júnior/Agência Corinthians
    Com a vitória, o Corinthians aguarda os resultados dos outros jogos das quartas de final do torneio para conhecer o adversário das semifinais - foto: Daniel Augusto Júnior/Agência Corinthians

    Com direito a um golaço de Giovanni Augusto de voleio ainda no primeiro tempo, o Corinthians goleou o Red Bull por 4 a 0 na tarde deste sábado (16), no Itaquerão, e avançou sem dificuldades às semifinais do Campeonato Paulista.

    Este foi o segundo gol do meia corintiano na nova arena corintiana, após anotar o primeiro na partida de inauguração do estádio, quando ainda atuava pelo Figueirense, em maio de 2014.

    Minutos após o gol, Giovanni Augusto sentiu uma torção no tornozelo, precisou ser substituído antes do intervalo e será avaliado pelos médicos do clube para saber qual a gravidade da lesão.

    O centroavante André, também no primeiro tempo, e os meias Alan Mineiro e Lucca, já na etapa final, selaram o placar a favor dos corintianos.

    Agora, o Corinthians aguarda os resultados dos outros jogos das quartas de final do torneio para conhecer o adversário das semifinais.

    Antes deste confronto, o time alvinegro fará o último jogo da fase de grupos da Libertadores. Já classificado, enfrenta o Cobresal (CHI) na próxima quarta (20), às 21h45, também no Itaquerão.

    O JOGO

    Com os dois times prezando pela posse de bola no campo de ataque e pela forte marcação na defesa, o jogo foi bastante equilibrado, apesar da vantagem de dois gols que o Corinthians conseguiu construir antes do intervalo.

    Mesmo com mais presença ofensiva no primeiro tempo, o time alvinegro errou muitos passes e teve dificuldades de criar boas jogadas. O lateral Fagner foi, por mais uma partida, a principal válvula de escape dos corintianos no ataque.

    Mas, com o jogo travado, a bola parada fez a diferença. Aos 16min, após cobrança de escanteio, a zaga do Red Bull rebateu mal e Giovanni Augusto, de voleio na grande área, marcou um golaço.

    Giovanni Augusto sentiria uma lesão minutos mais tarde e deu lugar a Alan Mineiro. Com isso, a equipe da casa perdeu um pouco da velocidade e criação no meio de campo. No entanto, conseguiu chegar aos 2 a 0 com André, em jogada confusa após cruzamento rasteiro de Fagner.

    O Corinthians continuou com o controle do jogo e pouco foi ameaçado pelo time visitante no segundo tempo. O gol de Alan Mineiro, após um erro na saída de bola adversária, aos 11min, deu ainda mais tranquilidade para os corintianos até o apito final.

    Com o placar amplamente favorável, a equipe alvinegra buscou cadenciar o jogo com troca de passes e jogadas em velocidade pelos lados do campo. Desta maneira, Lucca selou a goleada em chute cruzado na grande área, aos 23min.

    CORINTHIANS

    Cássio; Fagner (Edílson), Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Giovanni Augusto (Alan Mineiro), Guilherme e Lucca (Romero); André.
    T.: Tite

    RED BULL BRASIL

    Saulo; Éverton Silva, Anderson Marques, Diego Sacoman e Dráusio; Willian Magrão (Igor Sartori), Nando Carandina, Maylson (Rafael Costa) e Thiago Galhardo (Edmílson); Misael e Roger.
    T.: Maurício Barbieri

    Estádio: Itaquerão
    Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira
    Auxiliares: Bruno Salgado Rizo e Fabrício Porfírio de Moura
    Público e renda: 36.957 pagantes e R$ 1.948.897,50
    Cartões amarelos: Lucca e Guilherme (COR), Maylson, Roger e Nando Carandina (RBB)
    Gols: Giovanni Augusto, aos 16 min, e André, aos 39 min do 1º tempo; Alan Mineiro, aos 11 min, e Lucca, aos 23 min do 2º tempo

    Por Folhapress