Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Proposta de Cruzeiro deixa técnico do Vasco com futuro indefinido

    O Cruzeiro fez propsta ao treinador Jorginho e seu futuro no Vasco segue incerto - foto: Josemar Antunes
    O Cruzeiro fez propsta ao treinador Jorginho e seu futuro no Vasco segue incerto - foto: Josemar Antunes

    O silêncio de Jorginho tem explicação. Além de não querer desvirtuar o foco para a final do Campeonato Carioca contra o Botafogo, o treinador, de fato, está balançado com a proposta do Cruzeiro, o que coloca seu futuro no Vasco como algo incerto.

    Ele tem acordo com o time carioca até o fim do ano. Porém, o vínculo com o clube é por CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), e o Cruzeiro possui um contrato com vigência prevista até dezembro de 2017 para seu próximo treinador.

    Na noite da última quinta-feira (28), um dirigente mineiro esteve reunido com um representante de Jorginho.

    Nas duas últimas entrevistas, o técnico vascaíno optou por não se posicionar e despistar. Diferentemente do comandante do Botafogo, Ricardo Gomes, que também foi cogitado pelo Cruzeiro e descartou mudar de clube.

    O presidente do Vasco, Eurico Miranda, já demonstra insatisfação com a situação. O dirigente avaliou a postura do Cruzeiro como antiética ao procurar diretamente o treinador e já deu declarações supondo uma saída de Jorginho.

    O clube carioca nega ter sido procurado pelo time mineiro, que evita dar como certa a contratação do treinador.

    Enquanto não define a situação de seu novo técnico, o Cruzeiro será comandado pelo interino Geraldo Delamore na partida de quarta (4), contra o Campinense, pela Copa do Brasil.

    Por sua vez, Jorginho tem pela frente o primeiro jogo da final do Campeonato Carioca neste domingo (1), contra o Botafogo, às 16h, no Maracanã. A decisão do título acontecerá no domingo seguinte.

    Um dos mais experientes do elenco cruzmaltino, o volante Marcelo Mattos torce pela permanência do comandante:

    "Acredito que ele vá ficar com a gente. Não sabemos o que está se passando direito e nossa cabeça está voltada para os jogos que teremos pela frente. Jorginho é um treinador acostumado com o Vasco, com o caminho das vitórias, da invencibilidade. Ele já plantou algo aqui e gostaríamos muito que ele ficasse."

    Por Folhapress