Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Amazonas fatura 12 medalhas pelos Jogos Escolares da Juventude e expectativa é conquistar ainda mais

    heloysa-oliveira-judo-divulg
    A estudante de 13, Heloysa, do CMPM, conquistou medalha de ouro no judô - foto: divulgação

    O Amazonas vem garantindo bons resultados pelos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), que iniciou na última terça-feira (20) e segue até o dia 30 de setembro, em João Pessoa, na Paraíba. Até o momento, os representantes da terrinha baré faturaram 12 medalhas, sendo quatro de ouro, quatro bronze e quatro prata, pelas modalidades individuais. A delegação amazonense é composta por 163 atletas e foram à competição com o apoio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) e Secretaria de Estado de Educação (Seduc).

    Layane Miranda, de 13 anos, foi a primeira atleta do estado a medalhar. A estudante do CMPM IV Áurea Pinheiro Braga, da Zona Leste, ganhou ouro após se destacar na categoria médio pela Luta Olímpica. O Judô arrastou um bronze com Heloysa Oliveira, 13, e ouro com a Samanta Santos, 13. No badminton, os alunos-atletas trouxeram seis medalhas, sendo uma de ouro, duas de prata e três de bronze.

    A Luta Olímpica por sua vez ganhou prata com Ryan Souza,13, e ouro com Helisson Bresson,14, além de conquistar a prata por equipes.

    Ryan faz parte há um ano e meio no projeto social do Colégio da Policia Militar CMPM IV do Grande Vitória e tem como mestre Waldeci Luta. O atleta é treinado por Helisson Anderson Alves e é oriundo do Projeto social Amazonas Clube da Luta (ACL), da Cidade Nova.

    “Todos da Luta Olímpica foram pela primeira vez aos Jogos. São marinheiros de primeira viagem e o desempenho foi muito bom, dentro do esperado, por tudo que eles estavam treinando e pelo nervosismo da estreia. O Helisson é o mais experiente, treina há sete anos e é super talentoso, uma jovem promessa do Amazonas. A Confederação, inclusive, quer fazer um investimento nele”, contou Waldeci.

    Badminton

    No badminton, o Amazonas garantiu o pódio em quatro categorias. A medalha dourada ficou com o Vitor Nascimento, do CETI Elisa Bessa Freira (AM), que derrotou Mayke Yuri Souza, da Escola Municipal de Educação Fundamental Professor Alcebiades Melo (SE), por 2 sets a 1, com parciais de 21/19, 19/21 e 21/15, no simples masculino. O bronze também ficou com o amazonense, Lucas Emanuel. Victor e Lucas também conquistaram a medalha de bronze na modalidade de duplas.

    Na final de simples da segunda divisão, a amazonense Barbara Rodrigues de Sousa, do CETI Elisa Bessa Freire (AM), não conseguiu derrotar a potiguar Isabel Crystine Azevedo, da Facex (RN), e ficou com a medalha de prata. A aluna-atleta Rebeca Vitória arrastou o bronze para o Amazonas.

    Já na final de duplas da segunda divisão, as sergipanas Kailane Leticia e Samara dos Santos derrotaram Barbara de Sousa e Rebeca Victoria dos Santos por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 11/21, 23/21 e 21/19, em partida emocionante.

    Números expressivos

    No total, uma média de quatro mil jovens de todo o Brasil participam do maior evento esportivo estudantil do País, com a disputa de 13 modalidades, sendo: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, lutas, natação, tênis de mesa, xadrez, basquete, futsal, handebol e vôlei.

    Dos 163 atletas do Amazonas, 86 deles disputam as modalidades individuais, que ocorrem na primeira semana de competição e o restante vai encarar a por equipes, que acontece nos últimos dias.

    Presenças olímpicas

    Para inspirar os jovens talentos do esporte nacional, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) selecionou dez atletas olímpicos ou pan-americanos para atuarem como Embaixadores dos Jogos Escolares da Juventude João Pessoa 2016. A função dos Embaixadores é levar o exemplo positivo da prática esportiva para os jovens participantes, através do contato direto, palestras e atividades educativas. Na manhã desta quinta-feira, dia 22, Laís Nunes, atleta da luta que integrou o Time Brasil nos Jogos Olímpicos Rio 2016, acompanhou as disputas da garotada.

    Além de Laís, os atletas escalados como embaixadores para João Pessoa são: Vanderlei Cordeiro (atletismo), que acendeu a Pira Olímpica nos Jogos Olímpicos Rio 2016, Daniel Paiola (badminton), Helen Luz (basquete), Angélica Kvieczynski (ginástica rítmica), Fabiana Diniz, a Dara (handebol), Sarah Menezes (judô), Matheus Santana (natação), Ligia Silva (tênis de mesa) e Helia Fofão (vôlei).

    Com informações da assessoria

    Mais lidas

    1. Treinadores reclamam da arbitragem no Amazonense de base

    2. Judoca amazonense disputa Mundial Júnior na Croácia

    3. Inscrições para 8º edição da Corrida Cidade de Manaus abrem nesta quarta

    4. Dificuldades em aprender Matemática? Escola promove Festival de Xadrez para auxiliar o aprendizado de alunos