Fonte: OpenWeather

    Esportes


    Especialista nos tatames, Rita de Cássia, vai representar o AM em campeonatos brasileiros

    Atleta treinando judô e mostrando que a força é um de seus pontos fortes - Divulgação/Sejel

    Rita de Cássia é uma das cascas-grossas mais renomadas do Amazonas. A atleta, de 21 anos, é oriunda do judô, porém, a 'fome' por títulos a tem feito se aventurar em outras artes marciais. Ritinha descobriu novas alegrias na luta olímpica e jiu-jitsu esportivo, em que recentemente obteve bons resultados em competições oficiais – venceu a seletiva do Abu Dhabi Pro de Jiu-Jitsu e conquistou o Campeonato Amazonense de Wrestling. Tudo começou como uma maneira de se preparar para torneios de seu esporte de origem e, ao que tudo indica, vai continuar sendo uma realidade em sua carreira.

    Desde os 14 anos nos tatames, Rita de Cássia representará as cores do Amazonas no próximo Campeonato Brasileiro de Luta Olímpica, que ocorrerá nos dias 10 e 11 de março, no Rio de Janeiro. Em seguida, o foco será a arte suave, pois a lutadora baré duelará contra os melhores do continente no Pan-Americano de Jiu-Jitsu, em Los Angeles, entre os próximos dias 16 a 18.

    “Meu próximo compromisso está na luta olímpica, que colabora bastante com o meu preparo físico. Depois focarei no jiu-jitsu e, em seguida, no judô, meu esporte de origem. Cada modalidade de uma vez”, explicou a atleta, que treina três vezes por dia. Pela manhã na Vila Olímpica, no período vespertino, treina luta olímpica com sua treinadora Brenda Ariane Palheta no Clube Pina, e pela noite mantém os treinamentos de judô na Academia Ivo Neto.

    Mesmo com bons resultados em outras categorias, a atleta garantiu que as prioridades ainda estão concentradas no judô, especialmente o Campeonato Brasileiro, em que precisará, inicialmente, superar atletas da Região Norte.

    “Tenho a seletiva regional de judô, que acontecerá em abril, pois essa disputa será de suma importância, sendo que classificará para o Campeonato Brasileiro. Como no judô eu sou sênior e haverá mais competições depois de julho”, afirmou.

    Conquistas

    Experiente nas viagens internacionais e com domínio fluente em três idiomas, a judoca Rita de Cassia não esconde tamanha felicidade e alegria por carregar as cores amazonenses pelo mundo à fora e poder levantar a bandeira do estado nos lugares mais altos do pódio.

    “Fico contente com os resultados e conquistas, é resultado do meu trabalho, pois eu estou treinando muito forte visando cada vez mais os títulos”, frisou a campeã mundial de judô em 2015 e Seletiva de Luta Olímpica 2016, medalha de bronze no campeonato Brasileiro de judô 2014 e mundial de judô de Abu Dhabi 2015, vencedora dos opens de Miami nos EUA e Québec no Canadá e escolhida melhor atleta do ano da categoria faixa roxa de jiu-jitsu após ganhar três competições da modalidade.

    João Paulo Oliveira
    EM TEMPO

    Mais lidas

    1. Treinadores reclamam da arbitragem no Amazonense de base

    2. Judoca amazonense disputa Mundial Júnior na Croácia

    3. Inscrições para 8º edição da Corrida Cidade de Manaus abrem nesta quarta

    4. Dificuldades em aprender Matemática? Escola promove Festival de Xadrez para auxiliar o aprendizado de alunos

    5. Brasil mantém 2ª lugar de ranking da Fifa; cabeças de chave são confirmados