Fonte: OpenWeather

    Suposto acerto de contas


    Nova chuva de tiros resulta em 4 vítimas no Morro da Liberdade

    Vítimas baleadas foram encaminhadas à unidades de saúde da capital. Polícia afirma que verdadeiro alvo dos atiradores, seria um suposto traficante identificado como "Salada". Três vítimas, incluindo Salada continuam internadas

    Algumas vítimas foram encaminhadas ao 28 de Agosto.
    Algumas vítimas foram encaminhadas ao 28 de Agosto. | Foto: Raphael Tavares

    Manaus - A disputa pelo tráfico de drogas no Morro da Liberdade, na Zona Sul de Manaus, deixou quatro pessoas feridas durante um intenso tiroteio na tarde deste domingo (15), na rua Custódio Carneiro de Lima. Três vítimas foram encaminhadas para o pronto-socorro 28 de Agosto, e uma quarta levada ao Serviço de Pronto Atendimento da Zona Sul (SPA ), e liberada em seguida. 

    O real alvo dos criminosos seria um homem identificado como Felipe Passos Sena, o "Salada", de 22 anos. Ele foi baleado nas costas e nos braços. O outro homem baleado foi identificado como Paulo Roberto Ribeiro dos Santos, de 26 anos.

    Um casal de idosos também foi atingido pelos disparos. As vítimas foram identificadas como Isabel dos Santos Nogueira, de 74 anos, e Chardison Pessoa Pereira, de 52.

    Leia também: Homem é encontrado degolado e acidente com vítima foram registrados na noite de sábado, em Manaus

    Homem foi baleado e encaminhado ao pronto-socorro.
    Homem foi baleado e encaminhado ao pronto-socorro. | Foto: Reprodução


    De acordo com a polícia, os suspeitos estavam em um veículo modelo Onix, de placa não identificada. Os criminosos teriam ido ao local para executar "Salada", suspeito de ter envolvimento com o tráfico de drogas na região, segundo fontes da Polícia Militar.

    Conforme a polícia, a arma usada para tentar matar Salada teria falhado. Na ocasião, todas as vítimas que estavam jogando dominó na via pública correram na tentativa de se salvar. No mesmo instante, os atiradores conseguiram efetuar os disparos e acabaram atingindo as vítimas no local. 

    "Moro aqui na rua e nunca tinha visto algo do tipo. Foi a primeira vez. Quando ouvimos os barulhos dos disparos, nós nos encondemos. Fomos todos para o chão com medo de uma bala perdida. Era uma verdadeira chuva de tiros", disse uma moradora que não quis se identificar.

    O caso foi atendido pelos policias militares da 2ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), e deve ser investigado pelo 2º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

    Até a publicação desta matéria, nenhum suspeito do crime havia sido identificado ou preso. Todas as vítimas devem ser interrogadas após receberem alta das unidades de saúde. O estado de saúde delas não foi divulgado.

    Primeira chuva de tiros

    No início do mês um homem foi morto e outro ficou ferido durante uma chuva de tiros na rua Rio Branco, no São Raimundo, na Zona Oeste de Manaus. Mais de 30 tiros foram disparados pelos suspeitos e ouvidos pelos moradores.

    A vítima fatal foi identificada como Everton Fabrício Braga Fernandes, de 26 anos. O outro homem, identificado como Rodrigo Madi Lima, da mesma idade, levou um tiro em uma das pernas e foi encaminhado ao pronto-socorro 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul.


    Edição: Luís Henrique Oliveira


    Leia mais:

    Caminhão é apreendido levando mais madeira que o autorizado pelo Ibama

    PC adota 'lei da mordaça' sobre investigação da chacina na Compensa

    MP é contra anulação de prisão de delegado que matou advogado no Porão