Fonte: OpenWeather

    Mova-se


    Nacional enfrenta São Raimundo-PA precisando de vitória

    Ocupando a lanterna do grupo A3 da Série D do Campeonato Brasileiro, o Nacional enfrenta o São Raimundo-PA, às 15h (de Manaus), no Colosso do Tapajós, precisando da vitória para manter chances de classificação

    | Foto: Ennas Barreto/Nacional

    Manaus -Com apenas três pontos conquistados nas três primeiras rodadas da Série D do Campeonato Brasileiro, o Nacional sabe que apenas a vitória serve no confronto contra o São Raimundo-PA neste domingo (13), às 15h (de Manaus), no Colosso do Tapajós, em Santarém (PA).

    A partida, válida pela quarta rodada da fase de grupos, ganha mais importância se analisarmos a atual situação da chave A3. Caso seja derrotado, o Leão da Vila Municipal ficará a quatro pontos da zona de classificação para o mata-mata faltando apenas dois jogos.

    Após estrear com uma bela atuação dentro da Colina quando venceu o São Raimundo-RR por 3 a 0, o Nacional engatou duas derrotas que colocaram o time comandado pelo técnico Lecheva em xeque.

    Ocupando a lanterna do seu grupo, o Leão precisa de uma vitória fora de casa para não passar a depender dos outros times para avançar. Um motivo para comemoração é a volta do meia Fininho a equipe. O camisa 10 sofreu uma fratura no nariz justamente na única vitória do time no Brasileiro.

    Para a partida de logo mais, o técnico Lecheva terá duas ausências certas. O zagueiro Jeferson Siqueira e o atacante Alexsandro não foram relacionados para o duelo
    Para a partida de logo mais, o técnico Lecheva terá duas ausências certas. O zagueiro Jeferson Siqueira e o atacante Alexsandro não foram relacionados para o duelo | Foto: Divulgação

    Leia mais:Dono da melhor campanha, Manaus FC encara Rio Branco-AC no domingo

    “O clima nunca deixou de ser bom no nosso grupo. Acho que os resultados não dizem o que realmente temos apresentados nos jogos. Acredito muito no grupo e sei que os resultados não foram justos. A classificação está bem mais próxima que as pessoas pensam. Acreditamos no trabalho dos jogadores e da comissão técnica. Estamos fechados e vamos fazer um bom jogo. Esse é o nosso pensamento e o trabalho tem sido forte no nosso dia a dia”, frisou o goleiro do Leão, Marcelo Valverde.

    Para a partida de logo mais, o técnico Lecheva terá duas ausências certas. O zagueiro Jeferson Siqueira e o atacante Alexsandro não foram relacionados para o duelo porque sofreram com uma virose durante a semana e não participaram dos treinamentos. Assim, a defesa do Nacional deve ser formada por Kennedy e Rubram.

    Já o ataque deve ter Paulo Roberto, Jack Chan e Danilo Galvão. Por ser o jogador mais ofensivo do esquema de Lecheva, o atacante Danilo Galvão tem a responsabilidade de ser o fazedor de gol da Vila.

    Para o camisa 9, no futebol moderno todos os jogadores devem dividir essa responsabilidade. “Fico feliz em estar tendo a oportunidade de vestir a camisa do Nacional e ter essa responsabilidade de fazer os gols por estar jogando de centroavante. É claro que quero marcar e vou lutar para isso, mas meu pensamento é de que nossa equipe traga uma vitória independente de quem faça os gols”, finalizou Galvão.

    Leia mais:

    Em jogo emocionante, Irandua e Ferroviária impatam na Arena da Amazônia

    Manaus FC vence Rio Branco e dispara na liderança da Série D
    3 B da Amazônia goleia e assume liderança do Brasileirão A2