Fonte: OpenWeather

    Editorial


    Como melhorar os serviços públicos? O voto é uma arma

    A democracia é um regime político em que o poder pertence ao povo. Portanto cabe ao povo decidir bem, para não ter mais quatro anos de arrependimento

    Temos nas mãos algo mais avassalador que uma bomba atômica
    Temos nas mãos algo mais avassalador que uma bomba atômica | Foto: Divulgação

    "Ninguém pretende que a democracia seja perfeita ou sem defeito. Tem-se dito que a democracia é o pior dos regimes políticos, mas não há nenhum sistema melhor que ela." Essa é uma das célebres, senão a mais sábia frases de Winston Churchill, respeitoso político e famoso, principalmente, por sua atuação como primeiro-ministro do Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial.

    A democracia é um regime político em que o poder pertence ao povo, no qual ele deve fazer valer essa força. Esse poder é tão forte, que foi capaz de destituir reis, de acabar com o regime de terror outrora implantado na frança por Maximilien de Robespierre, foi capaz de devolver às mãos do povo a escolha de um novo presidente da República. Foi capaz de tirar do poder um presidente corrupto.

    Hoje, a democracia nunca esteve tão em xeque, nunca foi tão necessária, nunca foi tão importante. Temos nas mãos algo mais avassalador que uma bomba atômica: o voto. Pode parecer piegas, mas votar branco ou nulo é o mesmo que votar naquele político que “rouba, mas faz”. Não desperdice seu voto, use-o, mas use-o bem.

    Leia também: Seu voto pode mudar tudo nestas eleições

    Pode ser contraditório, pois sabemos que muitos são corruptos e muitos ainda irão se corromper. É como uma ilusão no amor, que faz com que pessoas se fechem ao sentimento. Mas como saber se um dia será feliz, se não tentar novamente? Pelo menos assim não se perguntará “ e se?”.

    Votar é sua arma, votar é mostrar que todo o poder emana unicamente do povo. Podemos parafrasear o que Winston Churchill disse e falar da democracia o mesmo que se diz da fase da velhice, que, por mais deplorável que seja, é melhor do que sua opção. A única opção para a velhice é a morte.

    Já as opções para a democracia são várias, uma pior que a outra. É bom nunca esquecê-las, de preferência no horário político.Quando sua raiva com a propaganda, que atrasa a novela, quiser levá-lo a optar por outra coisa, aguente, e mostre que a democracia é pelo povo, para o povo, sobretudo; democracia é o povo.

    Leia mais:

    História jogada na lama

    No Amazonas, o caos é uma escada para governo corrupto

    Amazonino dispensa licitações no AM e joga dinheiro ao vento