Fonte: OpenWeather

    País


    Eduardo Cunha diz que votação da maioridade penal acontecerá em junho

    O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmou neste domingo (31) que levará ao plenário, após a metade de junho, a discussão do projeto que visa a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos.

    Em seu perfil no Twitter, o deputado disse que a comissão especial da redução da maioridade penal deve concluir os trabalhos até 15/6 e, em imediatamente, ele levará a questão à Câmara.

    "A próxima polêmica após a conclusão da reforma política será a redução da maioridade penal que votaremos até o fim de junho em plenário", escreveu o peemedebista.

    Ele também aproveitou o post para cutucar o partido da presidente Dilma Rousseff. "O PT não quer a redução da maioridade e acha que todos têm de concordar."

    Cunha disse ainda ser favorável a uma consulta popular sobre o tema. "Defendo e vou sugerir ao relator [Laerte Bessa (PR-DF)] que se faça um referendo sobre a redução da maioridade para que a gente faça um grande debate", escreveu o peemedebista

    Por Folhapress

    Mais lidas

    1. MEC lança mestrado profissional para professores

    2. MST ocupa sede do Ministério do Planejamento em Brasília

    3. MEC prorroga para novembro prazo de aditamento do Fies