Fonte: OpenWeather

    País


    Manifestantes protestam em frente ao Itaquerão

    Manifestantes protestaram contra o presidente interino Michel Temer, nas proximidades da Arena Corinthians, conhecida como Itaquerão, no bairro de Itaquera, zona leste da capital paulista, na tarde desta quarta-feira (17). Os ativistas também são contra ações que tiram o direito dos trabalhadores e reivindicam o direito à moradia. Segundo a Polícia Militar (PM), o protesto começou às 14h e terminou às 18h.

    Nesta tarde, a arena foi palco da partida de futebol masculino dos Jogos Olímpicos entre Alemanha e Nigéria. A manifestação foi organizada pela Frente Povo Sem Medo e seguiu pacífica.

    Os manifestantes se concentraram em uma praça, a poucos metros de uma passarela que dá acesso ao estádio. Eles começaram uma passeata quando faltava cerca de uma hora para o começo do jogo.

    A ideia inicial era seguir pela Radial Leste, mas foram impedidos. A Polícia Militar montou um cordão de isolamento ao lado do Viaduto Milton Leite, próximo de outro acesso ao estádio. Segundo a PM, a via estava dentro do perímetro de segurança montado para hoje, devido ao jogo. Houve alguns minutos de tensão e, após negociação, o protesto foi liberado.

    Os manifestantes seguiram em caminhada e conseguiram passar ao lado do estádio, onde foi possível ver a arquibancada. No caminho alternativo, os manifestantes passaram por dentro da estação do metrô Arthur Alvim, onde também havia torcedores.

    Por Agência Brasil

    Mais lidas

    1. MEC lança mestrado profissional para professores

    2. MST ocupa sede do Ministério do Planejamento em Brasília

    3. MEC prorroga para novembro prazo de aditamento do Fies

    4. Campanha Natal sem Fome é retomada depois de 10 anos