Fonte: OpenWeather

    Estupro


    Vídeo: garota de 13 anos morre após estupro e padrasto é suspeito

    O padrasto, principal suspeito, estava em liberdade condicional após ser condenado a 12 anos por outro crime de estupro

     

    | Foto: Reprodução

    Jordana Tamires Wattier, de apenas 13 anos morreu após ser estuprada. O caso aconteceu em Bom Princípio, cidade do Rio Grande do Sul. O principal suspeito do crime é o padrasto que estava em liberdade condicional após ser condenado a 12 anos por estupro.

    A mãe da menina sabia dos antecedentes criminais de Elias. No entanto, teria acreditado que o companheiro não machucaria as enteadas.

    Elias dos Santos Silvestre, 39 anos, está foragido e ria o responsável pela morte de Jordana. A adolescente foi estuprada e morta por estrangulamento e o próprio suspeito comunicou os Bombeiros sobre o local do crime.

    Além do crime de estupro e em liberdade condicional, Elias tem outras três acusações de violência sexual, sendo duas tendo menores de idade como vítimas. De acordo com a polícia, uma delas era ex-cunhada do criminoso.

    Veja o vídeo:

    Leia mais:

     

    | Foto: Reprodução

    Criança de 3 anos é atingida por tiros após assalto; veja vídeo

    PF prende suspeito de divulgar pornografia infantil na internet