Manaus Moderna


Garis encontram ossada humana na orla do Porto da Manaus Moderna

Grupo diz que não é a primeira vez quem encontram ossada na área

Os restos mortais foram encontrados por volta das 14h | Foto: Daniel Landazuri/Em Tempo

Manaus - Enquanto faziam a limpeza na orla do Porto da Manaus Moderna, garis encontraram uma ossada humana na tarde desta terça-feira (29). De acordo com os trabalhadores, os restos mortais foram achados por volta das 14h e estavam em meio ao lixo que se acumula na região no período da seca do rio Negro.

“Não é a primeira vez que encontramos esses esqueletos. Há quase um mês achamos um crânio, que estava mais desgastado, aqui nessa mesma região”, disse um gari, que pediu para não ter o nome divulgado.

Junto aos restos mortais também foram encontrados um documento de uma empresa, com o nome de Angelita Ferreira Marques, além de restos de uma roupa feminina, que estavam presos aos ossos.

A ossada e o material foram analisados por peritos do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC). O delegado Antônio Marcos, plantonista da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), informou que o tecido encontrado deve auxiliar nas investigações.

“Existem vestígios de sangue na roupa. Vamos solicitar exame de DNA para ver se é compatível com o material genético da ossada. Infelizmente, com a seca do Rio, é comum o encontro de cadáver nas margens da cidade”, relatou o delegado.

O plantonista ressaltou ainda que é muito cedo para associar se o documento encontrado pertence à vítima. A ossada foi removida para o Instituto Médico Legal (IML).