Fonte: OpenWeather

    Notas da Contexto


    PSB pede recontagem de votos e Bosco Saraiva pode perder o cargo

    Está nas mãos do TSE um pedido do Partido Socialista Brasileiro (PSB) de recontagem dos votos da eleição para deputado federal do último pleito

    Se o pedido for aceito, Marcelo Serafim (PSB) entra na vaga de Bosco Saraiva (SDD)
    Se o pedido for aceito, Marcelo Serafim (PSB) entra na vaga de Bosco Saraiva (SDD) | Foto: Lion

    Está nas mãos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) um pedido do Partido Socialista Brasileiro (PSB) de recontagem dos votos da eleição para deputado federal do último pleito. O PSB pede a inclusão do Partido dos Trabalhadores na coligação Renova Amazonas (PSB, PMN, PMB, Podemos e Pros).

    Se o pedido for aceito, Marcelo Serafim (PSB) entra na vaga de Bosco Saraiva (SDD), por conta da expressiva votação do petista José Ricardo, que teve 197.270 votos. O socialista teve 44.320 votos e o atual vice-governador alcançou 55.477 votos.

    O imbróglio

    O imbróglio se deu por conta da saída, por via judicial, do PT da coligação, que tinha David Almeida (PSB) como candidato ao Governo do Amazonas.

    Como Almeida não aceitou o ingresso da senadora Vanessa Grazziotin (PC do B) na chapa, a saída do PT foi solicitada na Justiça Eleitoral pela presidente nacional, Gleisi Hoffmann, que alegou que os petistas tinham uma dívida de gratidão com a comunista.

    Líder da resistência

    O deputado estadual Sinésio Campos (PT) foi anunciado ontem (7), antes de subir na tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) para discursar, como o líder da resistência no parlamento estadual.

    A alcunha foi imposta por Josué Neto (PSD), que presidia a sessão da Aleam no momento.

    Oposição a Bolsonaro

    A alcunha se dá por conta do movimento de oposição ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), iniciado na internet, no qual membros e simpatizantes do PT estão na coordenação.

    Denúncia

    A deputada Alessandra Campêlo (MDB) denunciou que o prefeito de Tonantins, Lázaro Martins - o Curica (PP) -, está perseguindo a vereadora Suelem Lofiego (MDB), por ela ter apoiado Wilson Lima (PSC) no segundo turno das eleições.

    Racismo

    Campêlo afirmou, também, que Curica chamou a parlamentar de macaca e insinuou que ela poderia ser tornar uma nova Mariele Franco.

    Vale lembrar que Mariele, ao que tudo indica, foi assassinada no Rio de Janeiro por questões políticas.

    Mulher no poder

    A defensora pública Melissa Borborema foi eleita corregedora-geral da Defensoria Pública do Estado do Amazonas. Ela recebeu seis votos dos 11 membros do conselho superior da DPE.

    Melissa assume o lugar do defensor pública Leonardo Aguiar e terá um mandato de dois anos.

    Diplomação marcada

    A diplomação do presidente eleito Jair Bolsonaro deve ocorrer no próximo dia 11 de dezembro, segundo informação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

    A presidência do TSE entrou em contato com o ministro extraordinário, Onyx Lorenzoni, para agendar a solenidade.

    Comida de rua

    O “Comida de Rua” chega à sua 2ª edição nos dias 9, 10 e 11 de novembro, no Shopping Phelippe Daou, na Zona Leste, das 17h às 23h.

    Serão três dias de muita música, bazar, gastronomia e diversão para toda a família, em um ambiente amplo e seguro.

    Exposição arqueológica

    A Prefeitura de Manaus, por meio da Comissão Especial PAC Cidades Históricas, deu início ontem (7) à 1º Exposição itinerante sobre os achados arqueológicos da Praça da Matriz.

    A ação está sendo realizada nas galerias populares, no Centro, e no Shopping Phelippe Daou, no Jorge Teixeira, na Zona Leste.

    Apresentação

    A mostra conta com sete banners coloridos, tamanho 120x90cm, mostrando, especificamente, os achados arqueológicos durante as obras da Praça da Matriz.

    O projeto é de responsabilidade da arqueóloga Margarete Cerqueira, e a coordenação de laboratório, do arqueólogo Adilon Inuma.

    Encontro de escritores

    A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e parceiros correalizarão, no próximo sábado (10), o Encontro Nacional de Escritores, Colunistas e Blogueiros (ENECOB), que trará a Manaus jornalistas de várias partes da América Latina; dentre eles, Clarin, da Argentina; El País, do Uruguai; e Globo, do Brasil, para conhecer e debater perspectivas sobre o futuro da Amazônia na comunidade Tumbira, da RDS Rio Negro.

    EM TEMPO representado

    A FAS convidou também o jornalista Emerson Quaresma, editor de Economia e Meio Ambiente do EM TEMPO, para participar do debate que versará sobre o cenário de conservação de 2019 em diante e que terá na mesa, Eduardo Taveira, Superintendente Técnico-Científico da FAS; Luiz Castro, deputado estadual; e Philip Fearnside, pesquisador do INPA.

    Você gosta das Notas da Contexto? Então leia mais:

    David larga na disputa eleitoral de 2020 pela prefeitura de Manaus

    Após as eleições, disputa na Aleam acirra cenário político no AM

    Wilson Lima: 'Quem vai compor o secretariado?'