Fonte: OpenWeather

    Política


    Lula lá, Zé Ricardo aqui e Sinésio ali

    Em uma semana, o Partido dos Trabalhadores no Amazonas realizou duas reuniões e falou “línguas diferentes”.

    Em uma semana, o Partido dos Trabalhadores no Amazonas realizou duas reuniões e falou “línguas diferentes”
    Em uma semana, o Partido dos Trabalhadores no Amazonas realizou duas reuniões e falou “línguas diferentes” | Foto: Malika

    Em uma semana, o Partido dos Trabalhadores no Amazonas realizou duas reuniões e falou “línguas diferentes”.

    Com isso, deixou claro que existe um racha na sigla, o que coloca uma dúvida sobre a direção que o partido tomará no pleito que se avizinha. Uma única coisa é consenso: Lula é o candidato à Presidência.

    Banda do Sinésio

    O presidente regional do PT, deputado estadual Sinésio Campos, afirmou que a decisão sobre candidatura e apoio à eleição para governo do Amazonas será tomada pelo diretório nacional, com base no alinhamento em nível Brasil.

    Vai de Mazoca

    Na reunião promovida por ele, na última segunda-feira (11), foi, inclusive, especulado que o partido pode se aliançar com o PDT de Amazonino Mendes.

    Banda do Zé Ricardo

    Já o principal nome do PT amazonense na atualidade, o deputado estadual e pré-candidato a federal Zé Ricardo se antecipou.

    No dia 8, por sua conta e risco, anunciou a candidatura de José Barroncas para o governo e Francisco Praciano para o senado, deixando claro que quer uma chapa puro sangue.

    Altos e baixos

    A “Babel” entre Zé e Sinésio não é novidade para quem costuma assistir às sessões plenárias na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).

    Enquanto o altão é um opositor ferrenho ao governo, o baixinho é mais maleável e nem sempre “veste a camisa” dos anseios do PT nacional.

    My name is Lula

    Um exemplo disso é que os principais políticos do PT inseriram o nome Lula em seus registros, como forma de apoio ao ex–presidente, preso em 7 de abril.

    Eu hein, Rosa!

    Zé Ricardo abraçou a ideia.

    Sinésio, não. E se recusou a dar uma justificativa da não adesão.

    — Nem barba eu tenho! – desconversou.

    Álvaro vem aí

    A Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam) recebe, no próximo dia 21 de junho, o presidenciável Álvaro Dias (Podemos-PR).

    A intenção da Fieam é ouvir as propostas de todos os pré-candidatos a presidente.

    Marina, não!

    Todos não. A Federação não quer conversa com Marina Silva (Rede).

    Os empresários amazonenses não perdoam a ex-ministra de Meio ambiente por ter embargado as obras de recuperação da BR-319.

    Festa na Ponta Negra

    O 62º Festival Folclórico do Amazonas teve início ontem (12), na Ponta Negra, e até o encerramento, no dia 23, mais de 76 grupos folclóricos apresentarão no Anfiteatro.

    Nasce um desembargador

    Os desembargadores do Tribunal de Justiça do Amazonas (Tjam) definem hoje (13) os nomes dos advogados que comporão a lista tríplice, que será enviada a Amazonino Mendes.

    É o governador que define quem será o próximo desembargador pelo critério do Quinto Constitucional, que destina vaga indicada pela OAB